10 tendências em marketing que impactam o varejo

Genaro Galli e Arthur Vasconcellos, professores da ESPM Sul, apresentaram as principais tendências em marketings e sua influência no varejo no Café com Lojistas, do Sindilojas Porto Alegre

O segundo Café com Lojistas de setembro, promovido gratuitamente pelo Sindilojas Porto Alegre, ocorreu na manhã desta quinta-feira, dia 22, no Novotel Três Figueiras (Av. Soledade, 575). O evento contou com a presença dos professores da ESPM Sul, Genaro Galli e Arthur Vasconcellos, e teve como tema Marketing Trends. As principais tendências em marketing que impactam diretamente o varejo e, principalmente, o comportamento do consumidor foram debatidas no encontro.

Genaro Galli. professor titular do MBA de Marketing e Branding da ESPM Sul e consultor associado da Estrategeria, abriu o encontro introduzindo o assunto. “Tendências podem ser traduzidas por movimentos comportamentais que se refletem em ações que as empresas passam a adotar em virtude das mudanças de comportamento do consumidor”, disse.

Já Arthur Vasconcellos, coordenador e professor dos programas de MBA de mercado da ESPM Sul, com experiência em marketing e passagem por empresas como SICREDI, DELL e VIVO, disse que muito mais que estar atento as mudanças é ter consciência de sua relevância e influência, especialmente no comércio. “O ritmo de inovação na área de tecnologia é mais exponencial do que a inovação no varejo. Portanto, uma loja que queira crescer e ter lucratividade não basta apenas acompanhar o que muda no seu setor, mas acompanhar o que ocorre no segmento ao lado, por exemplo”, comentou.

Para exemplificar, Vasconcellos disse que a recente diminuição de consumidores circulando nos pontos de venda não pode ser observado apenas como uma retração econômica. “Não é só um cenário de crise, mas há um contexto tecnológico que deve ser considerado. O brasileiro está cada vez mais conectado e acessa mais de um dispositivo e tela ao mesmo tempo. Ou seja, não pesquisa e compra apenas na loja física ou em lojas locais”.

Além disso, o especialista garantiu que para se diferenciar o comércio deve, cada vez mais, oferecer serviço agregado, mais ações digitais e lúdicas no PDV, entretenimento e emoção. “A máxima do varejo é estímulo e resposta e isso não muda, nem em um cenário de crise, nem a partir do novo comportamento do consumidor”, finalizou. Confira as 10 tendências apresentadas no Café com Lojistas desta manhã:

1. Fazer simples é melhor: a regra é simplificar a vida do consumidor tendo como objetivo potencializar aquilo que a loja faz de melhor, o que está na essência, o que acompanha a trajetória do negócio desde a sua criação. “Simplicidade é o último grau de sofisticação e isso é algo prático e fácil de colocar em prática pelas lojas”, explicou Genaro Galli.

2. Mobile cada vez mais: O Brasil está cada vez mais conectado e o que está crescendo e ganhando novos usuários são os dispositivos móveis, não só para redes de relacionamento, redes sociais e mensagens instantâneas, mas também no e-commerce. “O uso do mobile em compras no Brasil cresceu 70% só no primeiro semestre de 2016, sendo que só o varejo de moda teve crescimento de 39%”, apontou Galli.

3. Abrace a rua: Um movimento associado ao live marketing e que cada vez mais soma novos adeptos pelo mundo. A participação dos consumidores em eventos na rua, como feiras e iniciativas culturais, cresce gradativamente e as lojas podem e devem aproveitar essa tendência. O objetivo é estender as fronteiras do estabelecimento comercial para a vizinhança e junto com empresários parceiros e locais estimular esse tipo de atividade.

4. Humanização nas relações: As já conhecidas relações B2B e B2C, ou seja, “businness to business” e “business to consumer”, dão espaço para uma relação humana e próxima com todos os pontos de contato da marca. Cresce agora o contato no formado C2C – “consumer to consumer” ou consumidor para consumidor. Cada vez mais o cliente é um porta-voz da marca e multiplica experiências positivas e/ou negativas. Nessa nova era de relacionamento, enxergar a pessoa por trás do consumidor e humanizar essa relação é um meio de fidelização e de associação da marca com o seu público-alvo.

5. Transparência nas relações: Uma tendência que descreve o novo comportamento da geração millenium (jovens entre 18 e 35 anos), que valoriza a transparência nas relações, a sinceridade da marca e a sua associação com empresas e produtos que tenham os mesmos valores e cultura.

6. Big data x Bons dados: A internet e a conectividade deram ao mundo empresarial uma infinidade de dados, no qual cada vez mais é possível traçar o perfil do cliente e mapear suas preferências, gostos e comportamento. No entanto, muito mais do que o excesso de dados disponível, o segredo se encontra na habilidade de transformar tais informações em estratégia e valor para a sua marca. O melhor uso, portanto, desse recurso é que fará a empresa diferente de sua concorrência.

7. Conveniência extrema: A concorrência não possui mais limites e não se restringe ao bairro, centro comercial ou cidade. Com a mobilidade urbana e móvel alcançar seu público-alvo se torna fundamental para o comércio varejista. Agora, produtos e serviços devem ir até o consumidor para atrair sua atenção diante dos demais estímulos que diariamente recebe, chegar até ele, estar onde ele está.

8. Experiência de marca unificada: Omnichannel não significa estar em todos os canais, mas trabalhar em sinergia e integrar todas plataformas off-line e online, independentemente do local onde a compra foi efetuada.

9. Branding lifestyle: A experiência de compra de um determinado produto pode se estender para um estilo de vida da marca e os consumidores estão à procura disso. Hoje, o cliente não apenas adquire determinado item, mas realiza uma compra consciente ligada a empresas com as quais ele se identifica.

10. Fornecedores múltiplos: Com o boom tecnológico e crescimento das redes sociais e aplicativos móveis, também aumentou o campo de atuação do profissional de marketing e comunicação. Cada vez mais as empresas recebem inúmeras ofertas de serviços e produtos voltadas para o seu negócio. No entanto, “cabe a empresa avaliar e integrar as diversas ideias e ações, definindo a melhor composição de marketing”, garantiu Galli. Segundo ele, a boa ideia é aquela que se torna relevante e aderente ao negócio, o contrário pode ser descartado.

A internet como aliada do seu negócio: O próximo Café com Lojistas acontecerá no dia 18 de outubro, às 8h30, no Centro de Capacitação do Sindilojas Porto Alegre (Rua dos Andradas, 1234/9º andar). Para falar sobre o tema “A internet como aliada do seu negócio” o evento contará com a presença de Claudia Palma da Silva, mestre em Comunicação Social e diretora da Agência Browse, irá palestrar sobre o uso da Internet nos negócios e como utilizá-la com inteligência e estratégia. As inscrições estão abertas e podem ser realizadas pelo e-mail cursos@sindilojaspoa.com.br. Mais informações pelo telefone (51) 3025.8300. 

Veja também

    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Conheça as principais tendências globais de consumo para 2024

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Novas experiências para o consumidor leitor

    Veja mais