Acordo é fechado para destravar o comércio

Em reunião concluída ontem em Mendoza, na Argentina, durante o encontro de cúpula de presidentes dos países que fazem parte do Mercosul, delegações do Brasil e da Argentina na área de comércio exterior…

Em reunião concluída ontem em Mendoza, na Argentina, durante o encontro de cúpula de presidentes dos países que fazem parte do Mercosul, delegações do Brasil e da Argentina na área de comércio exterior fecharam acordo para normalizar o fluxo de produtos entre as duas nações.

O acerto envolve o ingresso de suínos, móveis, calçados, têxteis, autopeças, pneus, linha branca e máquinas agrícolas para a Argentina, e de automóveis, batata, queijos e vinhos para o Brasil.

As negociações foram feitas entre a secretária de Comércio Exterior do Ministério de Desenvolvimento, Tatiana Prazeres, e sua colega argentina, Beatriz Paglieri. Em fevereiro, o país vizinho impôs mecanismo em que obriga o exportador, assim como o importador argentino, a fazer declaração juramentada antes de autorizar o ingresso de produtos. Também fez uso de licenças não automáticas e exigiu aos importadores a venda ao Exterior de produto em igual valor.

Veja também

    Noticias

    Pronampe: 30 bi e carência de 2 anos para empreendedores do RS

    Veja mais
    Decretos e regrasNoticias

    Governo do RS atualiza lista com municípios em estado de calamidade e postergaç...

    Veja mais
    Noticias

    Sindilojas POA e CDL POA promovem ação para limpeza do Centro Histórico da Capital

    Veja mais
    Noticias

    Cartilha Estado de Calamidade: seguros disponíveis e auxílio reconstrução

    Veja mais