As dicas essenciais para mulheres empreendedoras

Especialistas afirmam que mulheres donas de empresas devem investir em gestão de negócio e planejamento

O número de mulheres donas do próprio negócio só tende a aumentar. No mercado de franquias, por exemplo, há marcas ideais para empreendedoras. No caso de startups, mulheres que estão no comando tendem a ter mais sucesso e ganham destaque. Segundo pesquisa realizada pelo portal web.com, especializado em marketing para pequenos negócios, e pela National Association of Women Business Owners (NAWBO), mais mulheres devem empreender em 2013.

“Hoje, boa parte das mulheres empreende por oportunidade”, afirma Bruno Caetano, diretor-superintendente do Sebrae-SP. Divulgada no começo do ano, a pesquisa Global Entrepreneurship Monitor 2012 (GEM), realizada pelo Sebrae em parceria com o Instituto Brasileiro da Qualidade e Produtividade (IBQP), mostra que 49,6% dos que iniciam a carreira empresarial são do sexo feminino.

Veja abaixo recomendações de Caetano e de Cristina Boner, empreendedora e presidente da Associação de Mulheres Empreendedoras (AME), para mulheres que desejam investir em um negócio ou já são donas de um.

1. Foque no planejamento

Planejamento é a chave de sucesso para qualquer empresa, independente do porte. Para Caetano, de forma geral, as pessoas se preocupam mais com o investimento financeiro. Mas, fluxo de caixa e plano de marketing são alguns conceitos que não podem ser ignorados, por serem essenciais na hora de gerir o negócio.
Cristina ressalta a importância de estar a par de detalhes da legislação trabalhista e das finanças da empresa, por exemplo. “Ela também sempre deve fazer um planejamento considerando os cenários pessimista, convervador e otimista do negócio”, ensina.

2. Organize a sua rotina

Um dos principais dilemas das empresárias é de conciliar o tempo dentro e fora de casa. “Não pode achar que o empreendedorismo vai dar mais tempo. Isso é um mito”, alerta Caetano.

Por isso, para que isso não aconteça, é preciso ter total apoio familiar. Cristina explica que, muitas vezes, a falta da compreensão dos familiares pode acabar se transformando em um obstáculo para a mulher. Para ter sucesso como empresária, é preciso muito foco e a dedicação ao negócio e separar um tempo para lidar com o marido e filhos.

3. Atualize-se

Tanto para as mulheres que estão começando a empreender agora quanto para as que já têm experiência no mercado, a reciclagem é indispensável. “Não pode confiar só na intuição, tem que se atualizar com os concorrentes e com o mercado”, aconselha Cristina.

Há opções de cursos online e workshops de curta duração que podem auxiliar a empreendedora a ampliar o seu conhecimento.

Veja também

    Noticias

    O Sindilojas Porto Alegre é finalista do Top de Mkt ADVB/RS 2024

    Veja mais
    Noticias

    Programação de atividades desta semana para as obras no Centro da capital

    Veja mais
    PesquisaNoticias

    Vendas de eletrodomésticos típicos de frio estão em alta

    Veja mais
    Noticias

    Entidades empresariais cobram agilidade da União para a liberação de recursos a...

    Veja mais