Brasil vendeu 1,8 mi de tablets no 3º trimestre, diz IDC

As vendas de tablets no terceiro trimestre deste ano somaram 1,8 milhão de unidades no Brasil, alta de 134% sobre o mesmo período de 2012, mas um recuo de 2% em comparação ao segundo trimestre de 2013,…

As vendas de tablets no terceiro trimestre deste ano somaram 1,8 milhão de unidades no Brasil, alta de 134% sobre o mesmo período de 2012, mas um recuo de 2% em comparação ao segundo trimestre de 2013, segundo dados da consultoria IDC.

Para o quarto trimestre, a expectativa dos analistas da consultoria é de que as vendas atinjam 2,6 milhões de unidades, o que levaria o segmento a fechar o ano com 7,9 milhões de aparelhos vendidos, representando alta de 142% em relação a 2012.

A projeção para 2014 é de que as vendas cresçam ao menos 36% sobre o ano anterior, para cerca de 10 milhões. No ano que vem, o setor enfrentará também a concorrência dos televisores, cujas vendas sobem em razão da Copa do Mundo.

“O crescimento da base instalada será muito grande nos próximos anos, porém a partir de 2014 os crescimentos devem entrar em um patamar de dois dígitos de aumento”, diz o analista da IDC Pedro Hagge.

Sobre a queda das vendas na comparação com o segundo trimestre, a IDC aponta que houve um alto volume pelo Dia das Mães. “O setor pode passar por um período de sazonalidade, assim como ocorre com o mercado de celulares”, aponta o gerente de pesquisas da IDC Bruno Freitas.

Entre os dispositivos vendidos, 95% foram comercializados com sistema operacional Android e 63% custaram menos do que R$ 500. Os tablets com preços entre R$ 500 e R$ 1000 representaram 22% das vendas. O preço médio dos aparelhos foi de R$ 610 no terceiro trimestre, uma queda de 2% em termos nominais frente ao segundo trimestre deste ano e de 28% sobre igual período de 2012.

Veja também

    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Conheça as principais tendências globais de consumo para 2024

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Novas experiências para o consumidor leitor

    Veja mais