Brigada Militar aumenta efetivo em áreas com maior comércio

É chegado o final do ano e, junto com ele, uma das datas em que as pessoas mais saem às ruas para fazer compras: o Natal. Para tanto, elas precisam de dinheiro e, sabidamente, onde há grande circulação de…

É chegado o final do ano e, junto com ele, uma das datas em que as pessoas mais saem às ruas para fazer compras: o Natal. Para tanto, elas precisam de dinheiro e, sabidamente, onde há grande circulação de dinheiro é grande também o interesse de bandidos em retirar esse dinheiro das pessoas. É para coibir os roubos em áreas de grande movimentação e com muitos estabelecimentos comerciais que a Brigada Militar (BM) lançou na manhã de ontem, simultaneamente em todo o Estado, a já tradicional Operação Papai Noel.

“Neste ano, estamos intensificando a operação. Cada comando regional irá decidir os efetivos necessários, definindo o que é importante para cada região. O foco é no que normalmente mais ocorre nessa época do ano, que são as ocorrências de furto e roubo”, afirma o subcomandante-geral da Brigada, coronel Jones Calixtrato. Conforme o presidente do Sindicato dos Lojistas do Comércio de Porto Alegre (Sindilojas), Ronaldo Sielichow, a população pode ir tranquila realizar as suas compras de Natal. “Temos um Centro Histórico devolvido à população. As pessoas podem transitar e realizar as suas compras com segurança”, diz.

Somente em Porto Alegre, o efetivo da BM contará com 3,2 mil policiais nas ruas (2,5 mil de atuação permanente, mais o incremento de 300 soldados do Batalhão de Operações Especiais e outros 400 alunos do curso de formação de sargentos e tenentes). De acordo com o chefe do Comando de Policiamento da Capital (CPC), três áreas da cidade receberão atenção especial durante a Operação Papai Noel. “O Centro, a região da Azenha e o eixo Assis Brasil, são áreas onde há a confluência de um número muito grande de pessoas. Vamos trabalhar com orientação e prevenção”, ressalta o coronel Antero Batista. “Desenvolveremos uma série de ações focadas. Vamos atuar preventivamente também, orientando as pessoas sobre de que modo elas podem ajudar. Onde em anos anteriores ocorriam os delitos, nesse ano não podem ocorrer”, complementa o coronel Calixtrato.

Junto com o início da tradicional operação de final de ano, a BM lançou ontem também o Programa de Acompanhamento do Idoso. A iniciativa consiste em alunos do Colégio Tiradentes, de Porto Alegre, acompanhando pessoas da terceira idade em compromissos como saques bancários, compras, visitas a shoppings e centros comerciais.

Os idosos que quiserem o acompanhamento devem procurar uma unidade da Brigada Militar da Capital para se cadastrar, ou podem ligar para o número (51) 3289.8323 para o agendamento. Na ocasião, um oficial do CPC irá repassar informações sobre os locais onde ocorre o acompanhamento, que funcionará até o dia 27 de dezembro, das 9h às 18h. É a terceira vez que a ação é empregada na cidade. “Acreditamos que, com o programa, estamos colaborando na formação dos alunos. É um período festivo e, por isso, as pessoas se distraem mais. Daí a importância de os idosos estarem sempre acompanhados”, afirma o coronel Batista.

No evento de lançamento, realizado na praça Itália, localizada ao lado do Shopping Praia de Belas, também aconteceu a entrega de equipamentos (50 bastões policiais, 50 algemas e 50 braceletes de identificação) doados pela Câmara de Dirigentes Lojistas ao 9º Batalhão de Polícia Militar.

Veja também

    Noticias

    Programação de atividades para a obra do quadrilátero central: 02/03 A 08/03

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Sindilojas POA realiza mais um Feirão de Empregos

    Veja mais
    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais