Cai número de famílias gaúchas endividadas

O número de endividamento caiu em comparação a maio de 2011

O total das famílias gaúchas endividadas apresentou redução em maio na comparação com o mesmo mês de 2011. O endividamento caiu 3,7 pontos percentuais, ao passar de 80,4% para 76,7%. O resultado faz parte da Pesquisa de Endividamento e Inadimplência das Famílias gaúchas (PEIC-RS) divulgada nesta quarta-feira (30) pela Fecomércio-RS.

O presidente do Sistema Fecomércio-RS, Zildo De Marchi, afirmou, em nota, que apesar de as taxas de juros estarem em nível inferior ao de 2011, o ritmo mais lento da atividade econômica contribui para que o endividamento esteja abaixo do nível percebido no ano passado.

Na comparação com o mês de abril, houve aumento no endividamento, que passou de 63,4% para os atuais 76,7%. “Após a quitação de parte das dívidas contraídas na época do Natal, as medidas como redução do IPI de eletrodomésticos e redução de taxas de juros somam-se à sazonalidade do mês de maio, que costuma apresentar aumento do endividamento das famílias”, explicou De Marchi.

A elevação do endividamento ocorreu para as duas faixas de renda analisadas. Nas famílias com rendimentos até 10 salários mínimos, o percentual de endividados passou de 62,0% em abril para 75,3% em maio. Já no corte superior a 10 salários mínimos, o percentual passou de 69,2% para 82,7% em maio. O tempo de comprometimento com dívidas reduziu-se de 8,4 meses em abril para 7,1 meses em maio, revelando que as novas dívidas formadas em maio são de prazo mais curto.

Veja também

    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Conheça as principais tendências globais de consumo para 2024

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Novas experiências para o consumidor leitor

    Veja mais