Calendário “Caras de Pedra” chega às lojas em dezembro

Conjunto de fotos clicadas por Fernando Bueno apresenta imagens de faces pétreas, que mesmo pouco notadas, estão espalhadas por Porto Alegre.

A riqueza arquitetônica de Porto Alegre passa batida pelos…

Conjunto de fotos clicadas por Fernando Bueno apresenta imagens de faces pétreas, que mesmo pouco notadas, estão espalhadas por Porto Alegre.

A riqueza arquitetônica de Porto Alegre passa batida pelos olhos daqueles que, apressadamente, seguem suas vidas diariamente no corrido Centro Histórico da Capital. Com o objetivo de resgatar a história da cidade, o Sindilojas Porto Alegre lança o calendário 2014 da Entidade com o tema “Caras de Pedra”, que retrata 13 faces e estátuas presentes em tradicionais prédios da cidade. Em nova parceria com a Buenas Ideias, os cliques do fotógrafo Fernando Bueno dão sequência à proposta do livro comemorativo aos 75 anos do Sindicato: Porto Alegre na Vitrine, memória do comércio varejista da Capital.

Para o presidente do Sindilojas Porto Alegre, Ronaldo Sielichow, a realização do calendário estimula a valorização da cultura portoalegrense. “O Sindilojas apoia e trabalha em favor da preservação e revitalização do Centro Histórico da Capital gaúcha – onde, aliás, a Entidade nasceu. Temos orgulho de lançar o calendário Caras de Pedra, cujo propósito primordial é abrir nossos olhos não só para belos detalhes arquitetônicos que tantas vezes nos passam despercebidos na correria do dia a dia, mas também para a necessidade de mantermos preservado nosso patrimônio histórico. Ninguém preserva o que não conhece”, argumenta.

Confira abaixo a descrição das Caras de Pedra e suas localizações.

Capa: Caras de Pedra – Antigo Prédio da Companhia Previdência do Sul
(Rua da Praia, 1035)

1 e 9. Antigo Prédio da Previdência Sul – Rua da Praia, 1035

Mercúrio, Deus do Comércio, está presente no edifício projetado por Theo Wiederspahn, construído em 1911 e inaugurado em 1913; a escultura da fachada é de Wenzel Folberger.

2. Prédio da Alfândega – Rua Sepúlveda (duas esculturas)

Adornado com arte escultórica produzida pelos artistas do escritório de João Vicente Friedrichs, entre eles Alfred Adloff, o prédio se ergue bem no coração de Porto Alegre, como se a sugerir que a cidade precisa remar no rumo certo.

3 . Edifício Varejão – Rua da Praia, 861

O arquiteto Hermann Otto Menchen fez a alegórica escultura da fachada: uma mulher, símbolo da energia e força feminina, parece carregar o mundo nas costas, apoiada sobre uma cabeça de leão, símbolo da força e energia masculina.

4. Catedral Metropolitana – Rua Duque de Caxias, 1047

A Matriz de Porto Alegre – construída em 1722 e inteiramente refeita a partir de 1921 –, presta homenagem ao empenho, à solidez e a fé traída dos índios missioneiros. O romano João Batista Giovenale foi o responsável pela escultura.

5. Confeitaria Rocco – Rua Riachuelo, 1638

O projeto arquitetônico, que mescla neoclássico com art-noveau, é de Salvador Lambertini, falecido antes da conclusão da obra, terminada então por Manoel Barbosa Itaqui. Os afrescos são de Giuseppe Gaudenzi, Frederico Pellarin e Gustavo Steigleder.

6. Edifício Ely – Rua Conceição, 283

Mercúrio é o deus do comércio e com seus pés alados sempre abençoou o jogo de trocas, compras e vendas. A escultura dele está presente na fachada do Edifício Ely, mandado construir em 1922 pelo comerciante de tecidos Nicolau Ely.

7. Antigo Prédio dos Correios – Av.Sete de Setembro, 1020

O atual palácio da memória gaúcha foi erguido há cem anos para ser, como de fato foi, sede dos Correios e Telégrafos. Projetado por Theo Wiederspahn, o prédio começou a ser construído em 1911, sendo inaugurado em 1914.

8. Prédio do MARGS – Praça da Alfândega

Projetado em 1911 por Theo Wiederspahn e construído em 1913 para abrigar a Delegacia Fiscal da Receita Federal, o prédio no coração da Praça da Alfândega abriga desde 1978 o Museu de Arte do Rio Grande do Sul.

10. Antiga Cervejaria Bopp (Shopping Total) – Av. Cristóvão Colombo, 545

Adornado com motivos alusivos à cerveja produzida ali, é um belo exemplo do fachadismo publicitário. Os autores desta estatuária foram os artífices do escritório de João Vicente Friedrichs, e os desenhos, do arquiteto Theo Wiederspahn.

11. Faculdade de Biociências UFRGS – Rua Sarmento Leite, 320

No prédio da antiga Faculdade de Medicina da UFRGS, funciona agora a Faculdade de Biociências da instituição. O arquiteto original era Theo Wiederspahn, mas quem concluiu a obra foi o engenheiro João Pianca.

12. Edifício Chaves – Rua General Câmara, 250

Ele surgiu em 1911, como uma espécie de prolongamento do soberbo Palacete Chaves, erguido dois anos antes pela família Chaves Barcelos bem ali ao lado, na esquina da Rua da Praia com a Rua da Ladeira.

Veja também

    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais
    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais