Cartão de crédito tem novas regras

Entraram em vigor nesta semana as novas regras dos cartões de crédito determinadas pelo Conselho Monetário Nacional. As mudanças ocorrerão em duas etapas. A primeira, já em vigor, é a diminuição do…

Entraram em vigor nesta semana as novas regras dos cartões de crédito determinadas pelo Conselho Monetário Nacional. As mudanças ocorrerão em duas etapas. A primeira, já em vigor, é a diminuição do número de tarifas _ as 40 atuais cairão para no máximo cinco, bem como haverá padronização dos tipos de cartão a serem oferecidos _ limitados a básico e diferenciado, nacionais ou internacionais, fazendo com que o consumidor tenha plena consciência dos benefícios e obrigações.

A partir de agora, apenas cinco tarifas poderão ser cobradas dos consumidores: a anuidade, o pedido de uma segunda via do cartão, o uso de canais de atendimento para saques em dinheiro, a avaliação emergencial de linhas de crédito ou quando o consumidor optar pelo pagamento de contas com o cartão.

Ainda de acordo com a resolução, só poderão ser oferecidos dois tipos de cartões de crédito: os básicos e os diferenciados, nacionais ou internacionais. Aos cartões do tipo básico fica vedada a associação a programas de benefícios ou recompensas. Já para os cartões diferenciados é permitida a cobrança de anuidade diferenciada por estes e outros tipos de serviços. A anuidade do cartão básico deve ser, obrigatoriamente, menor do que a do cartão diferenciado.

Está proibido o envio por parte das operadoras de cartões sem a prévia autorização do cliente. E obrigatório a informação ao cliente de seus débitos em valores totais das compras parceladas. Com a mudança as operadoras deverão trazer o montante em reais para cada mês, ou seja, os valores totalizados, mostrando assim os compromissos em reais já assumidos nos próximos meses.

Na segunda fase destas mudanças, as alterações ocorrerão a partir de 1º de junho, e visa uma redução na regra de pagamento mínimo da fatura, passando de 10% para 15% e a partir de dezembro será de 20%.

Veja também

    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Conheça as principais tendências globais de consumo para 2024

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Novas experiências para o consumidor leitor

    Veja mais