CNI: consumidor mantém em dezembro intenção de comprar bens de maior valor

SÃO PAULO – O índice que demonstra a disposição dos consumidores em comprar bens de maior valor se manteve praticamente estável em dezembro, na comparação com o mês anterior, ao registrar leve queda de…

SÃO PAULO – O índice que demonstra a disposição dos consumidores em comprar bens de maior valor se manteve praticamente estável em dezembro, na comparação com o mês anterior, ao registrar leve queda de 0,6% no período. O indicador marcou 115,1 pontos no mês passado, ante os 115,8 pontos de novembro, de acordo com o Inec (Índice Nacional de Expectativa do Consumidor), divulgado na quarta-feira (15) pela CNI (Confederação Nacional da Indústria). Na comparação com o dezembro do ano passado, as expectativas de compras de bens de maior valor caiu 1,7%, já que naquele mês, o índice era de 117,1 pontos.

Índice por idade e renda

Observando o índice que mede a perspectiva para comprar bens de maior valor, de acordo com a idade dos entrevistados, os mais novos apresentam uma intenção maior. Isso porque 41% daqueles que possuem de 16 a 24 anos, disseram que esse tipo de compra vai aumentar ou vai aumentar muito, ao passo que 25% dos consumidores que possuem mais de 50 anos responderam a mesma coisa. Já em relação à renda, aqueles que recebem mais de dez salários mínimos são os que mais esperam pelo aumento das compras de bens de maior valor, com 49% das respostas.

Dados por regiões e gênero

Se levados em conta os números por região, o Norte/Centro-Oeste é o mais otimista, com 43% das respostas apontando que o consumo de bens de maior valor vai aumentar ou aumentar muito. Em segundo lugar ficou a região Sudeste, com 32% de respostas para o aumento das compras e, em terceiro e quarto, aparecem as regiões Nordeste e Sul, com 31% e 27%, respectivamente. Na segmentação por gênero, 33% dos homens e 32% das mulheres disseram que as compras vão aumentar ou aumentar muito.

Metodologia

O Inec é elaborado a partir de pesquisa de opinião pública de abrangência nacional, conduzida pelo Ibope com 2.002 pessoas. A pesquisa tem periodicidade mensal e foi realizada entre os dias 4 e 7 de dezembro, para esta última edição.

Veja também

    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Conheça as principais tendências globais de consumo para 2024

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Novas experiências para o consumidor leitor

    Veja mais