Com taxa de 3,4%, Porto Alegre segue com o menor desemprego do país em setembro

Na média brasileira, índice teve leve alta no mês em relação a agosto

Porto Alegre manteve em setembro o título de capital do país com menor taxa de desemprego, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). De acordo com a pesquisa divulgada nesta quinta-feira, dia 24, o índice ficou estável em relação a agosto, quando registrou 3,4%. Na comparação com setembro de 2012 (3,6%), o levantamento apontou leve queda na taxa. Na média das seis capitais pesquisadas pelo IBGE, a taxa de desocupação ficou em 5,4%, leve alta frente a agosto (5,3%) e igual à registrada no mesmo mês do ano passado.

O índice de desemprego do IBGE é calculado sobre pessoas em idade ativa (PIA). Em Porto Alegre, das 3.520 milhões de pessoas na condição, 55,1% estão ocupadas, 1,9% estão desocupadas e 42,9% são pessoas não economicamente ativas. A população ocupada (PO) na região foi calculada em 1,940 milhão de pessoas.

A renda média real do trabalhador (descontada a inflação) na capital gaúcha em setembro foi de R$ 1.860 mil, pequena queda em relação a agosto, quando registrou R$ 1.897,98. O remuneração ficou abaixo da média nacional no período, que foi de R$ 1.908 mil, aumento de 1% em relação a agosto (R$ 1.888,50).

Veja também

    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Conheça as principais tendências globais de consumo para 2024

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Novas experiências para o consumidor leitor

    Veja mais