Com vendas em alta no fim do ano, varejistas despontam na bolsa

É esperado que as varejistas colham os frutos da recuperação econômica e apresentem fortes resultados no quarto trimestre de 2009 e ao longo de 2010. O otimismo com a reação do consumo já se reflete na…

É esperado que as varejistas colham os frutos da recuperação econômica e apresentem fortes resultados no quarto trimestre de 2009 e ao longo de 2010. O otimismo com a reação do consumo já se reflete na bolsa: as ações das principais varejistas mostraram valorização acima do índice Ibovespa em 2009, com altas superiores a 100%.

Um dos setores que mais sofreram o impacto da crise econômica foi o varejo de vestuário, mas as expectativas são de que o segmento se recupere com a volta dos parcelamentos. As vendas de vestuário e calçados já deram sinais de reação em outubro, quando cresceram 3,9%. Ainda assim, o setor acumulava queda de 5,2% nos primeiros dez meses de 2009.
Marcelo Varejão, da corretora Socopa, coloca Renner entre as varejistas que devem apresentar bons resultados no quarto trimestre, ao lado da Lojas Americanas. No terceiro trimestre, as vendas da Renner (em lojas comparáveis) cresceram 1,3% sobre igual período de 2008, enquanto a Riachuelo apresentou aumento de 5% e a Marisa, uma queda de 0,3%. O cenário só permanece difícil para a B2W, controladora das pontocom das Lojas Americanas e Submarino e a maior operação de internet do país. A empresa enfrenta uma forte competição das grandes redes, como Pão de Açúcar (Extra, Ponto Frio e Casas Bahia), Walmart e, em breve, Carrefour.

Veja também

    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais
    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais