Como usar o Facebook para ter mais clientes

O uso das mídias sociais nos negócios já se tornou uma obrigação para as empresas de qualquer tamanho. E o motivo é simples: o boca-a-boca de apenas alguns anos atrás foi substituído pela internet. A…

O uso das mídias sociais nos negócios já se tornou uma obrigação para as empresas de qualquer tamanho. E o motivo é simples: o boca-a-boca de apenas alguns anos atrás foi substituído pela internet. A crítica ou o elogio a uma empresa ou produto ia de pessoa em pessoa, dia após dia, e hoje vai de grupos em grupos, minuto após minuto. Se o empreendedor não fizer a parte dele, alguém fará.

Por isso, se sua empresa não está nas redes sociais, comece já. E um bom começo é o Facebook, que tem 800 milhões de usuários no mundo, dos quais 30 milhões no Brasil. Não dá para desprezar esse público. O vice-presidente mundial de marketing do Facebook, Grady Burnett, esteve no Brasil recentemente e, em entrevista ao Estadão PME, caderno de empreendedorismo do jornal O Estado de S. Paulo publicado na última quarta-feira de cada mês, deu algumas dicas sobre como usar o Facebook nos negócios. Confira as dicas a seguir.

Crie uma página corporativa

O primeiro passo, diz Burnett, é criar uma página corporativa. É importante colocar nela todas as informações da empresa, pois isso cria a oportunidade de as pessoas se tornarem fãs dela, de modo que o empresário possa, a partir daí, comunicar-se e interagir com potenciais clientes. “Essa é uma maneira poderosa de fazer o consumidor perceber que ele se importa e de o empresário entender o que seus clientes querem”, disse o executivo.

Interaja com o cliente

Burnett afirma que a seguir o empreendedor deve tentar se aproximar dos fãs, compartilhando com eles ideias e tentando descobrir o que eles pensam. Ele citou como exemplo fazer perguntas aos consumidores como o tipo de desconto que gostariam de receber em determinada circunstância, além de postar conteúdo que seja útil na vida das pessoas. “É interessante postar testos, artigos e informações que os usuários possam dividir com seus amigos e pela família nas redes”, aconselhou.

Não tenha medo de tentar

Segundo Burnett, cada empreendedor deve testar diferentes formas de comunicação com seus clientes até descobrir quais funcionam melhor. Cada caso é um caso. As empresas precisam estar dispostas e prontas para falar e para ouvir o que os consumidores têm a dizer. É isso que inspira os seguidores a compartilhar essa experiência com outras pessoas e fazer propaganda na internet. “Por meio disso, o empresário tem a chance de entender o seu negócio e um pouco mais a respeito do consumidor”, afirmou ele. E não tenha medo: “Muitas ideias surgem à medida que você começa a se comunicar e, no Facebook, todos cometem erros.”

Veja também

    Noticias

    Sindilojas Porto Alegre recebe prêmio da Confederação Nacional do Comércio (CNC)

    Veja mais
    Decretos e regrasNoticias

    Funcionamento do comércio no feriado de Tiradentes: saiba como será

    Veja mais
    Noticias

    Sindilojas Porto Alegre tem reunião com o prefeito Sebastião Melo

    Veja mais
    Noticias

    Sindilojas POA acompanha lançamento de agenda legislativa na Fecomércio RS

    Veja mais