Compras on-line crescerão 40% neste Natal, prevê camara-e.net

SÃO PAULO – Os consumidores gastarão 40% a mais neste Natal em compras pela internet, segundo as previsões da camara-e.net (Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico). Para o varejo, o faturamento deve…

SÃO PAULO – Os consumidores gastarão 40% a mais neste Natal em compras pela internet, segundo as previsões da camara-e.net (Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico). Para o varejo, o faturamento deve superar R$ 15 bilhões em 2010 e a previsão de crescimento para o último trimestre é de R$ 3,3 bilhões. Assim como em 2009, os produtos de informática e eletrônicos devem ser destaque de vendas, seguidos por livros, CDs e DVDs. De acordo com o presidente da camara-e.net, Manuel Matos, os e-varejistas já estão se preparando para atender ao crescimento da demanda que ocorre nesta época do ano. “Nas três semanas que antecedem o Natal, o varejo on-line vende o volume equivalente a oito semanas médias e o tíquete médio de 2009 foi R$ 346”, declarou. Ainda segundo Matos, o Natal costuma representar 16% das vendas de todo o ano.

Entrega na data

Para dar suporte a esse crescimento sazonal, os varejistas devem prever esse forte impacto na demanda negociando com fornecedores e, principalmente, preparando uma infraestrutura logística na entrega dos produtos. “Um ponto crucial é o processo de logística na entrega dos produtos, pois o e-varejista deve garantir a chegada da mercadoria no tempo devido”, completou. Segundo o advogado especialista em direito do consumidor, Arthur Rollo, caso uma loja atrase a entrega por mais de uma semana, o consumidor pode desistir da contratação – isso vale para compras on-line ou na loja física.

Veja também

    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Feira Brasileira do Varejo (FBV) é lançada oficialmente em Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Programação de atividades para a obra do quadrilátero central: 19/02 A 23/02

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Tendências mundiais que impactam o varejo local

    Veja mais