Confiança dos empresários do comércio registra nova queda em maio

Fábio Bentes, economista da CNC, ICEC sugere a desaceleração do comércio

A confiança dos empresários brasileiros do comércio, medida pelo Índice de Confiança do Empresário do Comércio (ICEC), da CNC, ficou em 130,3 pontos – uma queda de 2,0% em maio, na comparação com abril. No levantamento anterior, de abril ante março, o indicador já acusara baixa de 0,7%. A queda em maio foi provocada principalmente pela avaliação da situação atual dos estoques, que tiveram uma queda de 10,7%, indicando a menor disposição dos empresários em renovar estoques, e pela percepção menos favorável do nível geral da atividade, que teve queda de 7,1% no período.

Os resultados confirmam a expectativa de um ritmo de atividade econômica mais fraco no segundo trimestre. No levantamento de abril, 63,3% dos entrevistados relataram que as condições econômicas do País haviam melhorado em relação ao mesmo período do ano anterior – parcela que foi reduzida para 57,3% em maio. Apesar disto, a percepção da economia, por parte dos comerciantes brasileiros, ainda é favorável: 128,8 pontos, numa escala que varia de zero a 200 pontos.

Veja também

    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Conheça as principais tendências globais de consumo para 2024

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Novas experiências para o consumidor leitor

    Veja mais