Construção do CPC entra na fase final

Após visitar ontem o Centro Popular de Compras (CPC) da praça Rui Barbosa, o secretário municipal da Produção, Indústria e Comércio, Léo Antônio Bulling, informou que a conclusão do primeiro…

Após visitar ontem o Centro Popular de Compras (CPC) da praça Rui Barbosa, o secretário municipal da Produção, Indústria e Comércio, Léo Antônio Bulling, informou que a conclusão do primeiro camelódromo de Porto Alegre deve estar pronta em 25 dias.

A vistoria da obra foi realizada com as presenças do arquiteto Diogo Schiafino, do gerente do Programa Cresce Porto Alegre, arquiteto Adel Dionisio Goldani, e do engenheiro responsável pelo gerenciamento da obra, da construtora Verdicon, Roberto Moura. No segundo piso do CPC, podem ser visualizados os módulos das bancas metálicas dos futuros comerciantes populares. As bancas terão chaves independentes e medem, em média, dois por dois metros.

Durante a visita, Bulling anunciou que está sendo encaminhado o processo legal de aditamento da construção do estacionamento do CPC para ser realizada uma licitação pública para exploração comercial das 216 vagas do espaço de oito mil metros quadrados. “Durante o processo de licitação, a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) administrará o estacionamento de forma transitória”, afirmou o assessor de projetos especiais da Smic, Adel Goldani.
O espaço dos futuros comerciantes populares será de 8,2 mil metros quadrados e mais 2 mil metros quadrados de uso dos banheiros e lojas-âncora, como farmácia, restaurante e banco, que estarão localizados no Terminal Tamandaré. Os visitantes do CPC poderão visualizar o lago Guaíba de uma escada que dará acesso ao terceiro andar do módulo do terminal, que ficou com quatro metros quadrados a mais que o Terminal Rui Barbosa.

A nova parada de ônibus da praça Rui Barbosa, totalmente reformada pela construtora Verdicon, com a supervisão de Metroplan, EPTC e Smic, contará com uma área de 8,2 mil metros quadrados. O total de área construída do CPC será de mais de 18,5 mil metros quadrados, somado ao terminal de ônibus que voltou a funcionar parcialmente no térreo do empreendimento.

No local, trabalham 150 operários da construtora. Na manhã de ontem, foram colocadas as coberturas do módulo do camelódromo do Terminal Tamandaré, entre as avenidas Júlio de Castilhos e Mauá. As duas passarelas que dão acesso aos terminais por cima da avenida Júlio de Castilhos estão totalmente montadas e na fase de acabamento. Os elevadores e as escadas rolantes estão em fase de testes. As escadas e rampas de acesso também estão na fase final de montagem e acabamento. Na avenida Voluntários da Pátria, o portal do CPC está quase terminado.

Veja também

    Noticias

    Programação de atividades para a obra no Centro da capital

    Veja mais
    PesquisaNoticias

    Sindilojas Porto Alegre realiza pesquisa com empresários da capital sobre o uso d...

    Veja mais
    Noticias

    Prefeitura de Poa dá descontos em juros e multas

    Veja mais
    Noticias

    Apoio do Governo Federal para pagamento de salários

    Veja mais