Diretor do Sindilojas Porto Alegre recebe distinção do município

Na quarta-feira, 02 de maio, o diretor de Relações Políticas e Institucionais do Sindilojas Porto Alegre, Antonio Sanzi, recebeu da Prefeitura Municipal a Medalha Floriceno Paixão – Mérito do Trabalho. A…

Na quarta-feira, 02 de maio, o diretor de Relações Políticas e Institucionais do Sindilojas Porto Alegre, Antonio Sanzi, recebeu da Prefeitura Municipal a Medalha Floriceno Paixão – Mérito do Trabalho. A homenagem é concedida a pessoas e/ou entidades com reconhecidos e relevantes serviços prestados ao mundo do trabalho no Município de Porto Alegre.

O evento aconteceu na Pinacoteca Aldo Locatelli, no Paço Municipal, com a participação do prefeito José Fortunati, do secretário municipal do Trabalho e Emprego, Pompeo de Mattos, do vice-presidente do Sindilojas Porto Alegre, Paulo Kruse, do Superintendente do Sindicato, Márcio Allegretti e de familiares do agraciado.

Além de diretor do Sindilojas Porto Alegre, Sanzi é o atual presidente da Comissão Municipal de Emprego (CME). Criada em 1996, a CME é vinculada à Secretaria Municipal de Trabalho e Emprego e, conta com a participação de representantes de empresários, de trabalhadores e do governo. Sua finalidade é a qualificação e a racionalização das políticas de geração de emprego e renda.

Juntamente com Antonio Sanzi, foram homenageados: em caráter especial, a viúva de Floriceno Paixão, Talita Coutinho Paixão, e outros nove profissionais com trajetória reconhecida na qualificação das relações de trabalho. Foram eles: Adão Eduardo Häggsträn (ex-juiz classista do Tribunal Regional do Trabalho), Antonio Mello Bertaco (funcionário público da Prefeitura de Porto Alegre), Carmen Angela Straliotto de Andrade (diretora geral da Escola Técnica Estadual Parobé), Catia Liane Rodrigues (pintora da construção civil e estudante do Curso Técnico de Edificações), Celso Woyciechowski (presidente da CUT/RS), Claudio Janta (Presidente da Força Sindical/RS), Roni Angelo Ferrari (presidente da Casa da Sopa), Valter Souza (presidente da Nova Central Sindical dos Trabalhadores do RS) Paulo Roberto Barck (presidente da União Geral dos Trabalhadores do RS).

Sobre a medalha Floriceno Paixão – Mérito do Trabalho
A medalha foi criada em abril de 2012 para homenagear, por ocasião do Dia do Trabalho, pessoa ou entidade com reconhecidos serviços prestados ao mercado de trabalho em Porto Alegre. A escolha dos agraciados é feita por comissão de representantes dos trabalhadores e empregadores, além da prefeitura.

Para o prefeito José Fortunati, o reconhecimento é uma forma de estimular as pessoas que atuam para qualificar e preservar o mercado de trabalho. “É preciso valorizar aquelas pessoas e iniciativas que desempenham trabalho sério, valorizado, com respeito à legislação”, destacou o prefeito, afirmando que esses exemplos ajudam a colocar Porto Alegre na posição de menor índice de desemprego entre as capitais.

A distinção leva o nome do deputado constituinte autor do projeto de lei que instituiu o décimo terceiro salário em 1962. “Lembramos um grande homem, que foi um defensor da classe trabalhadora”, disse Luiz Antônio Paixão, que falou em nome da mãe Talita, que recebeu uma edição especial da medalha. Conforme o secretário municipal do Trabalho e Emprego, Pompeo de Mattos, Floriceno Paixão apresentou mais de 300 projetos voltados a melhorias nas condições de trabalho.

Veja também

    Noticias

    Sindilojas POA e CDL POA promovem ação para limpeza do Centro Histórico da Capital

    Veja mais
    Noticias

    Cartilha Estado de Calamidade: seguros disponíveis e auxílio reconstrução

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Feira Brasileira do Varejo anuncia nova data para 2025

    Veja mais
    Noticias

    Sindilojas Porto Alegre assina carta buscando alternativas para acesso à capital

    Veja mais