Eduardo Bueno dá seu depoimento sobre a destruição da exposição Caras de Pedra

Porto Alegre tem inúmeras caras de pedra entalhadas na fachada de prédios do centro histórico. Mais de 20 delas foram fotografadas por Fernando Bueno, desenhadas por seu filho, Gustavo, e tiveram sua…

Porto Alegre tem inúmeras caras de pedra entalhadas na fachada de prédios do centro histórico. Mais de 20 delas foram fotografadas por Fernando Bueno, desenhadas por seu filho, Gustavo, e tiveram sua história brevemente narrada por Eduardo Bueno, com base em pesquisa de Angélica Boff.

Por iniciativa do Sindilojas Porto Alegre, elas viraram calendário, agenda e exposição, com as imagens expostas ao redor da Fonte Talavera, em frente à Prefeitura. A mostra foi inaugurada dia 17 de março e deveria ficar
lá até o dia 17 de abril. Mas, após resistir a várias “”manifestações populares””, na quarta-feira, 02 (muito apropriadamente um dia depois do primeiro de abril), a exposição sucumbiu aos 15 centavos: seus cartazes foram arrancados, rasgados e incendiados. O que comprova que, além das caras de pedra, a cidade também está repleta de caras de pau, com cérebro de minhoca.

A boa notícia é que, embora não pareça lá muito interessada em seu patrimônio histórico, a Capital pode resolver rapidamente seus problemas com transporte público: gente pronta para puxar carroça é o que não falta!

Veja também

    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais
    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais