Em 2010, economia brasileira terá retornado ao nível de equilíbrio, diz Serasa

O Indicador Serasa Experian de Perspectiva Econômica, que antevê, em um horizonte de seis meses, em que patamar se encontrará a economia brasileira, cresceu 0,2% em julho deste ano, atingindo o valor de…

O Indicador Serasa Experian de Perspectiva Econômica, que antevê, em um horizonte de seis meses, em que patamar se encontrará a economia brasileira, cresceu 0,2% em julho deste ano, atingindo o valor de 99,9.

Isso significa que, no início de 2010, a economia brasileira terá retornado ao seu patamar de equilíbrio de longo prazo (hiato do produto praticamente nulo), cuja trajetória de expansão representa, segundo o consenso existente hoje entre os economistas, um ritmo de crescimento próximo de 5% ao ano.

A alta de 0,2% representa o oitavo crescimento mensal consecutivo do indicador, após ter atingido, no período entre outubro de 2008 e dezembro deste mesmo ano, o valor de 98,3, o menor de toda a série histórica iniciada em janeiro de 1996.

O fato de o Indicador Serasa Experian de Perspectiva da Atividade Econômica ter atingido, em julho de 2009, praticamente o equilíbrio, é de vital relevância para o delineamento dos rumos da política monetária, a partir do próximo ano.

Sobre a pesquisa
De acordo com a Serasa, os indicadores oscilam em torno de 100, que seria a estimativa pontual de equilíbrio de longo prazo.

Veja também

    Noticias

    Sindilojas Poa prestigia solenidade de passagem de comando em Batalhão da PM

    Veja mais
    Noticias

    MPRS lança plataforma para facilitar a inserção de jovens no mercado de trabalho

    Veja mais
    Noticias

    Programação de atividades desta semana para as obras no Centro da capital

    Veja mais
    Noticias

    Cultura organizacional é foco do debate no Varejo Movimento

    Veja mais