Emprego volta ao calçado

A indústria calçadista foi o destaque na geração de empregos em janeiro, segundo o Ministério do Trabalho. As contratações superaram as demissões em 2.700 pessoas. O diretor-executivo da Abicalçados,…

A indústria calçadista foi o destaque na geração de empregos em janeiro, segundo o Ministério do Trabalho. As contratações superaram as demissões em 2.700 pessoas. O diretor-executivo da Abicalçados, Heitor Klein, atribui o resultado ao aumento do consumo de produtos nacionais pelo mercado interno, decorrente da melhora da economia após à crise, combinada com a elevação da taxa de importação sobre os calçados chineses em setembro passado pelo governo federal.

A China é investigada pelo Ministério do Desenvolvimento pela prática de dumping: “Os dois fatores combinados fazem aos poucos a indústria de calçados recuperar as vagas perdidas no último trimestre de 2008”. Segundo Klein, a indústria calçadista deve seguir apresentando números positivos em decorrência destes fatores. Para 2010, o setor espera um aumento de 10% nas encomendas. A economia gaúcha começou o ano com abertura de 18.877 empregos com carteira assinada. O número é quase sete vezes o registrado em janeiro de 2009, quando os efeitos da crise atingiam com força a economia. A indústria da tranformação puxou o desempenho, com 8 mil empregos novos. Também foram destaques positivos na geração de empregos os setores de serviços e agrícola.

Veja também

    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais
    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais