Empresários apostam em mercado de coworking de moda

Aluguel de espaços compartilhados custa em torno de R$ 7 mil. Expectativa é de chegar a um faturamento de R$ 50 mil por mês.

O Pequenas Empresas Grandes Negócios mostra a história dos empresários Fabio Uehara e Diogo Hayashi, que pesquisaram o mercado de coworking segmentado no exterior e perceberam que, aqui no Brasil, não tinha um espaço compartilhado voltado para o setor da moda.

Em 2015, eles investiram R$ 140 mil na reforma de uma sala e na compra de equipamentos para montar um coworking de moda. Hoje, 80% dos inquilinos do espaço compartilhado trabalham com moda sustentável, feita com materiais reciclados ou de reuso.

Hoje, o custo para montar e manter um atelier sai em torno de R$ 50 mil por ano. O aluguel do espaço compartilhado, fica em torno de R$ 7 mil. E o potencial de negócio também se multiplica com a união de várias pequenas empresas do mesmo segmento.

Oito meses depois de inaugurado, o coworking da moda ainda está no vermelho. Recebe 80 pessoas e fatura dois mil reais por mês, menos do que o aluguel da sala de 120 m2. Mas os empresários acreditam que é só uma questão de tempo, porque o mercado da moda fatura mais de R$ 50 bilhões por ano.

Eles esperam, em seis meses, atingir um equilíbrio do negócio, e a partir daí, começar a lucrar.  A expectativa é de chegar a um faturamento de R$ 50 mil por mês.

 

Fonte: Site G1

Veja também

    Cursos e eventosNoticias

    Como reter e engajar a Geração Z foi tema de evento do Sindilojas POA

    Veja mais
    Noticias

    Programação de atividades para a obra do quadrilátero central: 20/04 a 25/04

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    NRF 2024 vista por dentro

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Encerrada a etapa das 4 edições do Talks pré 11ª FBV

    Veja mais