Faturamento do varejo brasileiro tem primeira alta em 2 anos

A receita de vendas do varejo brasileiro cresceu em termos reais 1,5% em agosto ante o mesmo mês de 2016

A receita de vendas do varejo brasileiro cresceu em termos reais 1,5 por cento em agosto ante o mesmo mês de 2016, no primeiro resultado positivo em dois anos, mostrou nesta sexta-feira o Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA). Em julho, o índice tinha ficado estável na comparação com julho de 2016. Ajustado pelo efeito calendário, o índice subiu 1,1 por cento em agosto, ante alta de 0,8 por cento em julho, no mesmo conceito.

“O desempenho de agosto foi puxado principalmente pelo setor de Supermercados e Hipermercados, que possui grande peso no índice e apresentou aceleração” disse o gerente da área de inteligência da Cielo, Gabriel Mariotto, acrescentando que a queda da inflação também influenciou positivamente o resultado do mês.

Os setores ligados a Serviços registraram a maior aceleração, impulsionados por Turismo e Transporte, na passagem de julho para agosto. Apenas o bloco de setores que comercializam Bens Duráveis e Semiduráveis apresentou desaceleração em agosto.

Todas as regiões do país tiveram alta em agosto na comparação com o mesmo período de 2016. A região Sul apresentou o crescimento mais expressivo, de 4,6 por cento, enquanto a região Sudeste registrou a menor evolução, de 0,7 por cento, ainda sob o impacto do efeito da Olimpíada do Rio em agosto do ano passado.

Fonte: Exame 

Veja também

    Noticias

    Programação de atividades para a obra no Centro da capital

    Veja mais
    PesquisaNoticias

    Sindilojas Porto Alegre realiza pesquisa com empresários da capital sobre o uso d...

    Veja mais
    Noticias

    Prefeitura de Poa dá descontos em juros e multas

    Veja mais
    Noticias

    Apoio do Governo Federal para pagamento de salários

    Veja mais