Feiras e exposições de animais têm novas regras

As feiras e as exposições que envolvem a venda de animais ganharam novas regras em Porto Alegre. A Câmara Municipal derrubou, ontem, parte do veto do poder Executivo ao projeto que estabelece as normas, de…

As feiras e as exposições que envolvem a venda de animais ganharam novas regras em Porto Alegre. A Câmara Municipal derrubou, ontem, parte do veto do poder Executivo ao projeto que estabelece as normas, de autoria do vereador Beto Moesch (PP). O artigo 10, considerado o mais polêmico, está entre os itens rejeitados pelo prefeito José Fortunati e acolhidos pelos vereadores. A medida estabelece que os animais poderão ser expostos, com atestado sanitário expedido por médico veterinário, por, no máximo, cinco dias e somente depois de completarem três meses de vida.

A votação foi acompanhada por defensores dos animais e empresários do setor. Para Naor Nemmen, representante da organização não governamental (ONG) Porto Alegre Melhor, a solução ideal seria proibir a venda de animais e incentivar a adoção dos que estão nas ruas. No entanto, Nemmen acredita que a nova lei seja um pequeno passo dado para melhorar uma “situação de saúde pública”. “(O sistema atual) é uma fonte de animais abandonados”, afirmou o representante da ONG.

O coordenador da Feira de Filhotes do DC Shopping, Valdecir Gonçalves, acredita que a lei trará desemprego ao setor. “O evento comercializa cerca de mil animais por ano, todos com o devido acompanhamento veterinário. Reivindicamos nosso direito de trabalhar”, destacou Gonçalves.

Veja também

    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais
    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais