Feriadão com a BR-101 duplicada

Faltando menos de duas semanas para deixar o cargo, o presidente Lula deverá cumprir amanhã a promessa de cruzar a pé os túneis de Morro Alto, no limite entre Osório e Maquiné. A inauguração dos túneis…

Faltando menos de duas semanas para deixar o cargo, o presidente Lula deverá cumprir amanhã a promessa de cruzar a pé os túneis de Morro Alto, no limite entre Osório e Maquiné. A inauguração dos túneis servirá de símbolo para tão esperada duplicação do trecho gaúcho da BR-101

Seis anos depois de ter assinado o início da duplicação da rodovia Osório-Palhoça (BR-101), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva retorna à estrada amanhã, agora para inaugurar o trecho gaúcho, até Torres. Os túneis de Morro Alto, palcos da cerimônia, são considerados a principal obra da rota por encurtarem em 11 quilômetros o trajeto até Santa Catarina. Estarão liberados já nos feriadões de Natal e Ano-Novo.

Com três anos de atraso da previsão inicial, a duplicação da 101 abaixo do Mampituba passou por sucessivos obstáculos. Foram 1.068 desapropriações, impasses com comunidades quilombolas e indígenas, dificuldades para o licenciamento das jazidas e pedreiras e chuvas constantes.

A principal barreira, no entanto, foi a conclusão dos túneis de 1,8 quilômetro. Em 2008, o projeto teve de ser totalmente alterado por causa da consistência das rochas. Além da morosidade, a consequência direta dessa coleção de barreiras foi a triplicação do valor de todo o empreendimento. Licitada por R$ 385 milhões em 2004, a conclusão do lado gaúcho superou R$ 1 bilhão.

Lula vai repetir os governadores Germano Rigotto e Yeda Crusius, que inauguraram estradas sem que estivessem 100% finalizadas. Rigotto fez isso com a Rota do Sol, em 2006, e Yeda, na semana passada, com a RSC-471. Da pista principal da BR-101 no Estado ficará para o próximo ano – provavelmente para março – o término da ponte do Rio Três Forquilhas, no km 40. Além disso, as pistas laterais nos trechos urbanos, como em Terra de Areia, não ficaram prontas.

Para o presidente e a direção do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit), os túneis de Morro Alto, que serão abertos para o trânsito amanhã, representam a conclusão do projeto. A passagem é uma das mais modernas do país, equipada com sistema de monitoramento.

O lado catarinense vai demorar para ser liberado. Os motoristas terão de esperar pelo menos mais três anos para passar pela nova ponte de Laguna e através de túneis dos morros do Cavalo (Palhoça) e do Formigão (Tubarão), projetos que mal começaram a sair do papel.

Veja também

    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Conheça as principais tendências globais de consumo para 2024

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Novas experiências para o consumidor leitor

    Veja mais