Governo do Estado autoriza abertura do comércio aos finais de semana

O governador Eduardo Leite anunciou, na tarde desta sexta-feira, 9, flexibilizações nos protocolos do modelo de distanciamento controlado, ainda que Porto Alegre siga em bandeira preta. Com isso, o comércio em geral da Capital, inclusive o considerado não essencial, poderá funcionar com atendimento ao público aos finais de semana, entre outras atividades que também não […]

O governador Eduardo Leite anunciou, na tarde desta sexta-feira, 9, flexibilizações nos protocolos do modelo de distanciamento controlado, ainda que Porto Alegre siga em bandeira preta. Com isso, o comércio em geral da Capital, inclusive o considerado não essencial, poderá funcionar com atendimento ao público aos finais de semana, entre outras atividades que também não estavam permitidas. As novas regras começam a valer a partir de sábado, 10 de abril.

Confira abaixo como ficam as orientações para as empresas do setor:

Comércio não essencial

De segunda a sexta-feira, das 5h às 20h, com atendimento ao público, distanciamento entre os presentes no local, ocupação máxima de uma pessoa a cada 8m² de área e uso de máscara. Horário preferencial para quem pertence a grupo de risco.

Tele-entrega sem restrição de horários.

Sábados e domingos as empresas ficam autorizadas a seguir as mesmas regras e horários acima.

Feiras livres de comércio não essencial

Liberação para funcionamento de feiras de artesanato, como o Brique da Redenção, desde que com distanciamento de 3 metros entre as bancas e rígido controle de acesso de público, com obrigatoriedade de cartaz com lotação máxima.

O que segue inalterado:

Comércio essencial

Permitido funcionar sem restrição de horários, de segunda a sexta-feira e também aos sábados e domingos. Orientações de distanciamento, ocupação máxima e uso de máscara seguem inalteradas, assim como a necessidade de adoção de horário preferencial para atendimento a quem pertence a grupo de risco. Atividade de tele-entrega sem restrição de horários.

Mercado Público

De segunda a sexta-feira, das 5h às 22h, lojas podem receber clientes, com restrições.

Entre 22h e 5h, podem operar somente com tele-entrega.

Sábados, domingos e feriados: lojas podem receber clientes das 5h às 22h. Entre 22h e 5h, apenas tele-entrega.

Pet shops

Lotação máxima de 25% de trabalhadores, com atendimento individual sob agendamento, tipo pegue e leve.

Para acessar o novo documento divulgado pelo Governo do Estado nesta sexta-feira, clique aqui.

Veja também

    Noticias

    Sindilojas Poa prestigia solenidade de passagem de comando em Batalhão da PM

    Veja mais
    Noticias

    MPRS lança plataforma para facilitar a inserção de jovens no mercado de trabalho

    Veja mais
    Noticias

    Programação de atividades desta semana para as obras no Centro da capital

    Veja mais
    Noticias

    Cultura organizacional é foco do debate no Varejo Movimento

    Veja mais