Inadimplência do consumidor cresce 23,2% e é a maior para novembro desde 2001

SÃO PAULO – A inadimplência do consumidor no mês de novembro registrou alta de 23,2% em comparação com o mesmo período do ano passado, apontou o indicador Serasa Experian de Inadimplência do Consumidor,…

SÃO PAULO – A inadimplência do consumidor no mês de novembro registrou alta de 23,2% em comparação com o mesmo período do ano passado, apontou o indicador Serasa Experian de Inadimplência do Consumidor, divulgado nesta segunda-feira (13). Essa foi a maior elevação entre os meses de novembro desde 2001. Na comparação entre novembro e outubro deste ano houve um crescimento de 3,5%, sendo esta a maior compração entre os mesmos meses desde 2005. Já no acumulado do ano, frente o mesmo período do ano passado, o indicador registra alta de 5%.

Motivos

Segundo os economistas da Serasa, a inadimplência do consumidor se agravou e mudou de patamar em novembro. Desde junho de 2010, a inadimplência apresentava crescimentos mensais inferiores a 1,9%. Os especialistas completam afirmando que a aceleração registrada em novembro é resultado do maior endividamento e comprometimento da renda do consumidor e do acúmulo de dívidas com as compras nas datas comemorativas do varejo, sobretudo no Dia das Crianças.

Decomposição

A inadimplência com cartões de crédito e financeira subiu 7,7% frente a outubro, enquanto as dívidas com os bancos caíram 2,3% no mesmo período. Os cheques apresentaram avanço de 13,4% na inadimplência.

Veja também

    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Feira Brasileira do Varejo (FBV) é lançada oficialmente em Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Programação de atividades para a obra do quadrilátero central: 19/02 A 23/02

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Tendências mundiais que impactam o varejo local

    Veja mais