Inadimplência do consumidor deve ficar estável até início de 2011

SÃO PAULO – A inadimplência dos consumidores tende a se estabilizar até o início do próximo ano, aponta o Indicador Serasa Experian de Perspectiva da Inadimplência, divulgado nesta segunda-feira (18)….

SÃO PAULO – A inadimplência dos consumidores tende a se estabilizar até o início do próximo ano, aponta o Indicador Serasa Experian de Perspectiva da Inadimplência, divulgado nesta segunda-feira (18). Segundo o estudo, em agosto, a perspectiva de inadimplência do consumidor para os próximos seis meses não apresentou variações, mantendo-se nos 94,6 pontos.

Neutralização

Na avaliação dos analistas da Serasa, o mercado de trabalho em alta tem conseguido neutralizar pressões de aumentos do endividamento. Outro fator que contribui para esse resultado é o aumento da renda e do crédito. Ainda de acordo com os técnicos, o pagamento do décimo terceiro também deve mitigar, no curto prazo, um possível aumento dos níveis de inadimplência. De acordo com os analistas da Serasa, mesmo se ocorrerem aumentos na inadimplência, esse cenário não deve interferir a atual trajetória de elevação do crédito às pessoas físicas.

Sobre o indicador

O indicador Serasa Experian de Perspectiva da Inadimplência dos Consumidores avalia, em um horizonte de seis meses, em que fase do ciclo estarão várias variáveis econômicas, como concessões reais de crédito, inadimplência, crise e recuperação.

Veja também

    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais
    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais