Índice de Confiança do Empresário do Comércio (ICEC) volta a registrar queda em outubro

O Índice de Confiança do Empresário do Comércio do Rio Grande do Sul (ICEC-RS) voltou a apresentar recuo no mês de outubro, ficando em 104,8 pontos, queda de 14,1% na comparação com o mesmo período do…

O Índice de Confiança do Empresário do Comércio do Rio Grande do Sul (ICEC-RS) voltou a apresentar recuo no mês de outubro, ficando em 104,8 pontos, queda de 14,1% na comparação com o mesmo período do ano passado, segundo pesquisa elaborada pela Fecomércio-RS que será divulgada nesta quarta-feira (05). A retração do indicador reflete o comportamento dos três grupamentos dos índices avaliados: percepção quanto às condições atuais, expectativas e investimentos.

Em campo pessimista, o indicador de condições atuais (ICAEC) apresentou redução de 20,1% em outubro/2014 sobre outubro/2013, atingindo 74,3 pontos. “A percepção quanto às condições atuais da economia brasileira assumiu o segundo menor nível da série, perdendo apenas para o período que se seguiu as manifestação de junho de 2013”, destacou o presidente da Fecomércio-RS, Luiz Carlos Bohn. Como vem sendo comentado há alguns meses, a opinião dos empresários do comércio tem sido impactada negativamente por fatores como a inflação relativamente elevada, o aumento dos juros e, principalmente nesse momento, o fraco desempenho da atividade econômica.

No que se refere às expectativas quanto ao futuro (IEEC), a pesquisa mostrou redução de 12,7% em outubro/2014 sobre outubro/2013, atingindo 136,5 pontos. Apesar do desempenho negativo no mês, o patamar do indicador que mede as expectativas continua denotando otimismo dos empresários quanto ao futuro, principalmente no que diz respeito à situação da própria empresa, cujo índice encontra-se em 150,8 pontos.

Também o indicador referente aos investimentos do empresário do comércio (IIEC) caiu 11,2% na mesma base de comparação, ficando em 103,5 pontos, próximo a um patamar pessimista. Em relação a outubro/2013, o nível mais reduzido do indicador que mede a perspectiva de contratação de funcionários (-18,1%) foi determinante para a queda do IIEC. Na comparação outubro/2014 com outubro/2013, houve ainda queda de 11,5% no componente realização de investimentos e de 0,9% na avaliação que mede a situação atual dos estoques.

Veja também

    Noticias

    Programação de atividades para a obra do quadrilátero central: 02/03 A 08/03

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Sindilojas POA realiza mais um Feirão de Empregos

    Veja mais
    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais