Intenção de consumo das famílias gaúchas bate recorde de pessimismo

A intenção de consumo das famílias gaúchas em abril bateu recorde de pessimismo na série histórica da pesquisa da Fecomércio-RS. Encerrou abril com recuo de 19,5% em relação ao mesmo mês de 2014 e de…

A intenção de consumo das famílias gaúchas em abril bateu recorde de pessimismo na série histórica da pesquisa da Fecomércio-RS. Encerrou abril com recuo de 19,5% em relação ao mesmo mês de 2014 e de 5% na comparação com março deste ano.

É a primeira vez, desde o início da série histórica em janeiro de 2010, que o indicador atinge o patamar pessimista. Os motivos são: mercado de trabalho mostrando deterioração, juros altos, inflação elevada, câmbio depreciado e incerteza política, enumera a entidade.

– Essa situação somente irá mudar quando o ajuste fiscal começar a colher os seus frutos. Porém antes, vamos vivenciar ainda um período em que a situação piora para depois melhorar. Precisamos, todavia, tirar de lição dessa situação que toda política econômica traz consequências para a sociedade: a irresponsabilidade do passado cobra seu preço no nosso presente. – pondera o presidente da Fecomércio-RS, Luiz Carlos Bohn.

Veja também

    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Feira Brasileira do Varejo (FBV) é lançada oficialmente em Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Programação de atividades para a obra do quadrilátero central: 19/02 A 23/02

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Tendências mundiais que impactam o varejo local

    Veja mais