Investir em tecnologias digitais é prioridade para os executivos brasileiros em 2014

O estudo apontou que a navegação nas nuvens (cloud computing) será uma tecnologia perseguida de forma intensa por 24% dos executivos brasileiros, contra 19% da média mundial.

Investir em tecnologias…

O estudo apontou que a navegação nas nuvens (cloud computing) será uma tecnologia perseguida de forma intensa por 24% dos executivos brasileiros, contra 19% da média mundial.

Investir em tecnologias digitais como forma de aumentar a produtividade e a competitividade em seus negócios, será uma das preocupações dos executivos brasileiros em 2014, de acordo com a pesquisa CEO briefing 2014-The Global Agenda 2014, feita pela Accenture com 1.041 líderes de 20 países, inclusive o Brasil.

A busca pelo ganho de produtividade é uma tendência global. 59% dos entrevistados apostam na garantia da eficiência de processos e redução de custos para geração de receita e, de acordo com a pesquisa, devem ter como aliado o investimento digital – 69% dos entrevistados acreditam que a contribuição digital irá melhorar a eficiência de suas operações e 61% dizem que irá incrementar a experiência dos seus clientes.

O estudo apontou que a navegação nas nuvens (cloud computing) será uma tecnologia perseguida de forma intensa por 24% dos executivos brasileiros, contra 19% da média mundial. E de forma moderada, por 28% contra 26%. Mais otimistas estão os empresários de Singapura (41%), da China (40%), do Canadá (39%) e dos Estados Unidos (30%).

Em relação à importância do comércio eletrônico para os próximos 12 meses, a expectativa brasileira também é superior à média mundial. 26% contra 23% dos entrevistados consideram a plataforma extremamente importante, mas, fica bem abaixo da de empresários chineses (51%), canadenses (39%) e espanhóis (31%).

No segmento “machine to machine” (transação de dados ou valores), 22% dos entrevistados brasileiros consideraram extremamente importante seguir com o crescimento da tecnologia digital, contra 18% na média global; e 43% dos brasileiros ainda consideram moderadamente importante o crescimento neste setor, contra 32% da média mundial.

Já na utilização das mídias sociais para se relacionar com os clientes, 25% dos executivos brasileiros consideram a tecnologia digital extremamente importante para melhorar o relacionamento com o cliente e atender com agilidade as suas demandas. A média global é de 19%. Seguindo os dados que mostram a adesão maior de alguns países às redes sociais, empresários canadenses e japoneses (33%), chineses (31%) e turcos (30%) indicaram acompanhar essas tendências em seus territórios.

E para crescer em vendas 29% dos entrevistados no Brasil acreditam na importância das tecnologias digitais, mas o país está ainda muito atrás de China e Canadá com, respectivamente, 46% e 44% de respostas positivas.

“Essa pesquisa permite avaliar algumas tendências importantes, como a identificação da tecnologia digital como uma das poucas formas para se conseguir o tão necessário salto de produtividade das empresas brasileiras”, avalia Matthew Govier, diretor de Estratégia da Accenture. “E mostra, também, que os executivos brasileiros estão cada vez mais atentos ao que acontece no mundo, além de conhecerem exatamente onde estão as dificuldades estruturais que emperram o crescimento da economia”, conclui.

Veja também

    Noticias

    Programação de atividades para a obra no Centro da capital

    Veja mais
    PesquisaNoticias

    Sindilojas Porto Alegre realiza pesquisa com empresários da capital sobre o uso d...

    Veja mais
    Noticias

    Prefeitura de Poa dá descontos em juros e multas

    Veja mais
    Noticias

    Apoio do Governo Federal para pagamento de salários

    Veja mais