Largo Glênio Peres terá projeção 3D, música e humor

Atração inédita será projetada no prédio do Mercado Público

Porto Alegre completa 240 anos nesta segunda-feira, 26. Para comemorar a data, a prefeitura, com apoio da Procempa e da Souza Cruz, organizou uma série de atrações gratuitas de humor, música e de muita tecnologia no Largo Glênio Peres. Além das apresentações culturais, o aniversário da cidade reserva uma atração inédita: a Projeção 3D no prédio do Mercado Público, às 20h. A tecnologia consiste no mapeamento digital da arquitetura da edificação, sobre a qual é feita a projeção. O efeito conseguido dá a impressão de que o prédio ganha vida, com animações e trilha sonora especialmente desenhadas para o evento, batizado de “Porto Alegre: o futuro já começou”.

Antes do espetáculo 3D, o público terá a oportunidade de se divertir com o humorista Jair Kobe, que sobe ao palco às 18h com o já consagrado personagem Guri de Uruguaiana. Às 19h é a vez do cantor porto-alegrense Armandinho agitar o Centro Histórico com o show que rodou pelo EUA, Peru, Argentina e Uruguai.

Não é só no dia do aniversário que Porto Alegre poderá acompanhar o espetáculo. Na terça, 27, e quarta-feira, 28, nos mesmos horários, o Largo Glenio Peres também será sede de atrações de humor, música e da Projeção 3D. Na terça-feira, haverá apresentações dos humoristas Eron Felipe Dalmolin e Celso Santana e do cantor F.A.B.Ã.O. Na quarta-feira, os shows serão do humorista Andre Damasceno e do músico Catuípe.

Shows no largo Glênio Peres continuam até o dia 28

No dia 26, às 12h, Maria Luiza Benitez traz ao palco o clima nativista, junto com a temática central do seu trabalho: a natureza e as diversas culturas indígenas. Natural de Bagé e descendente de índios Charruas, a artista possui três CDs gravados, sendo que o mais recente deles, “Ouro Azul”, aborda a questão da água. A cantora é uma voz que levanta a bandeira do ambientalismo e da unidade entre os povos através da sua arte.

Daniel Torres apresenta um repertório de músicas regionais às 12h do dia 27. É considerado o cantor do Mercosul e a voz da integração pampeana porque nasceu em Santa Vitória do Palmar (Brasil), de pai chileno, mãe argentina e cresceu no Uruguai. Foi alfabetizado em espanhol e apenas na adolescência, quando retornou ao Rio Grande do Sul, começou a falar o português. O artista iniciou sua carreira cantando em conjuntos de baile no interior gaúcho, e hoje já coleciona mais de 50 troféus de melhor intérprete de música nativista.

Quarta-feira, dia 28, é a vez da música em fusão com a poesia na voz de Alexandre Poeta. Sua carreira de músico profissional iniciou em 2004, com um estilo bastante focado aos sentimentos e a vida das pessoas. No ano de 2007, o artista participou do Festival de Música de Porto Alegre, recebendo o Prêmio de Melhor Canção e Melhor Letra, com a Música “A Espera”.

Veja também

    Noticias

    Sindilojas POA e CDL POA promovem ação para limpeza do Centro Histórico da Capital

    Veja mais
    Noticias

    Cartilha Estado de Calamidade: seguros disponíveis e auxílio reconstrução

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Feira Brasileira do Varejo anuncia nova data para 2025

    Veja mais
    Noticias

    Sindilojas Porto Alegre assina carta buscando alternativas para acesso à capital

    Veja mais