Liquidação rima com negociação

Consumidor ainda pode obter vantagens na compra à vista, além de financiamentos sem jurosUm teste realizado por ZH ontem constatou que os descontos para compras à vista ainda são encontrados em grandes redes…

Consumidor ainda pode obter vantagens na compra à vista, além de financiamentos sem jurosUm teste realizado por ZH ontem constatou que os descontos para compras à vista ainda são encontrados em grandes redes de varejo com atuação no Rio Grande do Sul, embora algumas lojas resistam à negociação.De seis redes visitadas, três aceitaram conceder descontos para a compra à vista de uma TV de cristal líquido (LCD). Duas ofereceram parcelamento sem acréscimo, mas não descontos na compra à vista. Apenas uma incluiu juros em todas as modalidades de parcelamento – medida saudada pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) como forma de dar transparência à operação.A opção de parcelar em mais de 10 vezes sem opção de desconto à vista intriga consumidores e o gerente do Idec Carlos Thadeu de Oliveira:– Algo a prazo não pode custar o mesmo que à vista. Tem alguma coisa aí que não é totalmente transparente.Para o Idec, em casos como esse, o consumidor pode supor que os juros estão embutidos no preço final. O consultor de varejo Eugenio Foganholo, diretor da Mixxer, argumenta que redes incentivam o parcelamento porque a operação financeira é uma grande fonte de receita para as empresas.O presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL-RS), Vítor Augusto Koch, admite que algumas grandes empresas ganham financiando, mas diz não ser essa a situação da maioria, que ainda prefere “vender à vista para ter fluxo de caixa.”Para um televisor de R$ 1.899 em 15 parcelas, por exemplo, o desconto pelo pagamento à vista poderia ser de até 36% considerando juro médio de 3% ao mês, conforme simulação da Associação Nacional dos Executivos de Finanças (Anefac). Mas a conta não é tão simples, alerta Andrew Storfer, vice-presidente da Anefac. Algumas redes simplesmente repassam ao consumidor boas condições de pagamento negociadas com fabricantes e, por isso, têm condições de bancar financiamentos longos sem juros.

Veja também

    Noticias

    Programação de atividades para a obra do quadrilátero central: 24/02 A 01/03

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais