Lojas montam estratégias de vendas

De olho na população que recebeu o 13º salário, os lojistas anteciparam suas estratégias de vendas. Nas lojas de rua da Capital, nos shoppings e também em supermercados a decoração natalina predomina….

De olho na população que recebeu o 13º salário, os lojistas anteciparam suas estratégias de vendas. Nas lojas de rua da Capital, nos shoppings e também em supermercados a decoração natalina predomina. Além disso, os estabelecimentos já ampliaram o número de funcionários para garantir o atendimento dos consumidores. Somente os supermercados devem contar com mais 3,2 mil pessoas. Boa parte deste total já está trabalhando abastecendo as gôndolas, como empacotadores, caixas, supervisores de venda e em outras vagas que foram abertas. Segundo o presidente da Associação Gaúcha de Supermercados (Agas), Antonio Cesa Longo, há boas perspectivas de que parte dos temporários seja contratada em definitivo após as festas de final de ano.

Como sempre, os bons prognósticos de vendas para o Natal e para o Ano Novo animam o comércio. A percepção dos dirigentes, contudo, é de que será o melhor Natal dos últimos anos. “A expectativa é excelente em relação à data. Uma parte dos consumidores pagará suas contas com o ingresso do 13º salário, e outra deve utilizá-lo para as compras”, diz o presidente do Sindicato dos Lojistas (Sindilojas) de Porto Alegre, Ronaldo Sielichow.

O presidente do Sistema Fecomércio-RS, Zildo De Marchi, compartilha das mesmas projeções otimistas. Segundo ele, o pagamento do 13º salário deve influenciar para que as dívidas estejam em dia.

Outra medida tomada pelo varejo da Capital com o objetivo de dar maior comodidade aos clientes que optarem pelos shoppings para as compras foi a ampliação dos horários de atendimentos. Desde o dia 1, o Praia de Belas, o Moinhos Shopping e o Iguatemi funcionam entre 10h e 23h. Já o BarraShoppingSul mudará o seu horário a partir do dia 17, passando a funcionar entre 10h e meia-noite. A direção do Shopping Total ainda não definiu o dia de alteração do horário no estabelecimento – o que deverá ocorrer a partir da segunda quinzena de dezembro.

Conforme um levantamento realizado pela Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce), os 401 shoppings em operação no país devem registrar um aumento de 15% nas vendas para o Natal em comparação ao mesmo período de 2009. As facilidades de crédito e aumento da massa salarial dos brasileiros proporcionam o clima de otimismo em consumidores, lojistas e empreendedores. A Abrasce estima, ainda, a abertura de 175 mil vagas temporárias no país.

Veja também

    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais
    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais