Na comparação com o Dia dos Namorados de 2023, 17% dos lojistas dizem ter vendido mais neste ano

Pesquisa mostra quais presentes tem a preferência na hora da compra. O ticket médio ficou em R$ 296

O Núcleo de Pesquisa do Sindilojas Porto Alegre realizou um levantamento para verificar os resultados das vendas do Dia dos Namorados nas lojas da Capital.

Segundo os dados obtidos em relação ao último ano, cerca de 17% dos entrevistados responderam que houve crescimento em suas vendas. Um outro dado é que até a finalização da pesquisa, 16% ainda não haviam realizado o fechamento do balanço.

Para 45% dos entrevistados as vendas para o Dia dos Namorados diminuíram, e 22% venderam de forma igual em relação ao ano passado. A justificativa dos respondentes para a venda deste ano ter sido abaixo em relação ao passo passado varia entre a enchente na cidade (82,3%), falta de mercadoria (6,7%), receio dos consumidores de gastar dinheiro (4,4%) e falta do frio (2,2%), entre outros.

Um fato curioso do levantamento deste ano se refere aos que tiveram crescimento nas suas vendas. Quase 53% desses entrevistados comentaram que o aumento pode ter relação com o fato das pessoas que costumeiramente compram em locais que estavam alagados, terem se deslocado a outras regiões de Porto Alegre.

Para edição do Dia dos Namorados de 2024, o ticket médio ficou no valor de R$ 296,00. No último ano o valor foi de R$ 245,00.

Período de maior movimento para compras do Dia dos Namorados:

Segundo os lojistas, o movimento basicamente se concentrou entre a semana antes da data e a véspera do dia 12. Foram 80% neste período. O Dia dos Namorados ficou com 10% das citações, assim como a primeira semana de junho.

Produtos mais procurados pelos consumidores:

A pesquisa identificou também os itens mais vendidos, separados por segmento. No caso do vestuário, casacos e blusas (46,6%) lideraram as vendas, seguidos por calças (17,8%). Na área de cosméticos, perfumaria e produtos de higiene, perfumes e maquiagens lideram com as vendas. Cerca de 45% da preferência. Hidratantes, com 40% vem em seguida. Para quem optou por comprar calçado, bota (81,8%), sapato (72,7%) e tênis (54,5%) completam o top 3. Lembrando que são respostas de múltiplas escolhas.

Arcione Piva, presidente do Sindilojas Porto Alegre comenta o resultado. “A data não foi de vendas expressivas e a resposta para isso tende a ser as enchentes que atingiram fortemente a cidade. A falta do frio também impacta nestes números. Em compensação, estes últimos dias com clima seco e sol, animaram um pouco consumidores e lojistas, fazendo com que não fosse uma data perdida para o comércio, avaliou.

Demais resultados:

Por onde a loja realizou as vendas na data?

Ambos (física e online)   59%

Apenas na loja física       41%

 Por qual canal online mais vendeu?

WhatsApp                         45,8%

Site da loja                        30,5%

Instagram                         22%

Formas de pagamento utilizada no online (múltiplas escolhas)

Pix                                      59,3%

Link de pagamento         45,8%

Quais ações ajudaram na sua venda?

Promoção                         55%

Decoração na Vitrine     31%

Ação nas redes sociais   7%

Abaixo, segue o nosso Infográfico com os dados. Se preferir, clique aqui e veja todos os infográficos disponíveis.

Veja também

    PesquisaNoticias

    Vendas de eletrodomésticos típicos de frio estão em alta

    Veja mais
    Noticias

    Entidades empresariais cobram agilidade da União para a liberação de recursos a...

    Veja mais
    Noticias

    Transforme talento em marca de sucesso

    Veja mais
    Noticias

    Campanha de incentivo ao comércio local para reerguer Porto Alegre tem apoio do S...

    Veja mais