Omni Channel, muito além do e-commerce, foi o tema do Café com Lojistas desta quarta-feira, 11 de maio

Conheça o case da Arezzo&CO apresentado no Café com Lojistas desta quarta-feira

Enquanto muitas lojas ainda falam em e-commerce, a Arezzo já atua com um sistema de Omni Channel. Na empresa, detentora das marcas Arezzo, Schutz, Anacapri, Alexandre Birman e Fiever, todos os canais e franqueados da marca estão integrados com o objetivo de tornar real, nos ambientes off e online, a cultura de atendimento que permeia o DNA da rede. O case pautou a palestra de Mauricio Bastos, head de Omni Commerce da Arezzo&CO, no Café com Lojistas desta quarta-feira, dia 11, realizado pelo Sindilojas Porto Alegre.

Na ocasião, o publicitário contou que a Arezzo iniciou seu trabalho com e-commerce em 2011, por meio de um formato laboratorial de experimentar e mensurar os resultados. Na época, o varejo tradicional enxergava as vendas online como concorrentes do ponto de venda, algo que, segundo Bastos, não poderia conduzir a atuação da marca. “O grupo é constituído basicamente por lojas físicas e investir em um formato de trabalho na web que concorresse com estes estabelecimentos seria o mesmo que fugir da essência da companhia. No varejo calçadista, por exemplo, a internet funciona como um webrooming. Ou seja, o canal online é um catalizador de desejos, que na grande maioria das vezes se concretizam no ambiente off-line”, explica.

A prova disso foi o resultado da pesquisa realizada em 2014 pela empresa, com as clientes da marca Schutz. O estudo mostrou que os canais digitais, assim como o site, atuam principalmente como influenciadores da compra, mas o e-commerce não é o canal utilizado para efetivá-la. De acordo com o levantamento, 40% das consumidoras afirmavam serem influenciadas pelos canais digitais, enquanto que 87% das clientes preferem comprar pela loja física.

Com o trabalho desenvolvido com foco em Omni Channel, a Arezzo conquistou o reconhecimento do mercado. Só no Instagram, por exemplo, a Schutz é a maior marca fashion do País com 2,6 milhões de seguidores. Além disso, a companhia passou de um faturamento de R$ 1 milhão em 2011, quando o projeto foi iniciado, para R$ 69 milhões em 2015.

Mas, afinal, o que é Omni Channel? Para a empresa, é “estar presente de maneira consistente em todos os pontos de contato relevantes para a cliente, promovendo uma experiência única”. Enfim, para a rede de lojas “não interessa o canal, mas estar onde a cliente está para melhor atendê-la”, afirma Bastos.

Empreendedorismo feminino – O próximo Café com Lojistas, já tem data e debaterá a crescente participação de mulheres no hall de empresários do varejo. O evento ocorrerá no dia 1º de junho, a partir das 8h30, no hotel Laghetto Viverone Moinhos (Rua Dr. Vale, 579, bairro Moinhos de Vento). O evento contará com a palestra de Iva Cardinal, idealizadora do Confraria do Batom, e participação especial da lojista Rosi Luz, sócia-diretora da Linna Festas. Inscrições pelo e-mail cursos@sindilojaspoa.com.br. Mais informações pelo telefone (51) 3025.8300. 

Fonte: Sindilojas Porto Alegre

Veja também

    Noticias

    Sindilojas Porto Alegre recebe prêmio da Confederação Nacional do Comércio (CNC)

    Veja mais
    Decretos e regrasNoticias

    Funcionamento do comércio no feriado de Tiradentes: saiba como será

    Veja mais
    Noticias

    Sindilojas Porto Alegre tem reunião com o prefeito Sebastião Melo

    Veja mais
    Noticias

    Sindilojas POA acompanha lançamento de agenda legislativa na Fecomércio RS

    Veja mais