Pagamento móvel baixará custos do varejo

Ministro das Telecomunicações disse que uso de aparelhos móveis para pagamentos vai forçar redução de tarifas

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, afirmou durante a abertura do IV Fórum Banco Central de Inclusão Financeira em Porto Alegre, nesta segunda-feira, que as regras para pagamentos por meio de aparelhos móveis, como celulares, vão forçar a redução de tarifas, por exemplo, cobradas no aluguel das máquinas para as vendas feitas no cartão de crédito ou débito.

— Hoje se gasta muito com as máquinas de cartão. Vai ser uma opção a mais. Isso vai forçar a redução de tarifas — disse o ministro, que afirmou não querer criticar os bancos.

Bernardo afirmou que essa operação vai beneficiar principalmente pessoas que hoje não têm acesso ao sistema bancário, mas que o objetivo final é bancarizar a população. O ministro disse que beneficiários da Previdência Social e do Bolsa Família, por exemplo, poderão optar por receber seus benefícios na forma de crédito no celular, se quiserem.

— Os bancos vão ganhar, as operadoras vão ganhar, mas o objetivo é que a população seja beneficiada com mais essa opção — afirmou.

Veja também

    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais
    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais