Pesquisa revela capitais brasileiras em que há mais empregos para jovens

SÃO PAULO – Uma preocupação constante aos recém-formados é se conseguirão um emprego depois de formados. Afinal, depois de terem desembolsado uma grande quantia durante a faculdade, querem ser…

SÃO PAULO – Uma preocupação constante aos recém-formados é se conseguirão um emprego depois de formados. Afinal, depois de terem desembolsado uma grande quantia durante a faculdade, querem ser recompensados financeiramente. E não existe somente a questão do dinheiro, mas também a preocupação de começar o mais cedo possível uma carreira de sucesso.

No entanto, a quantidade de jovens que almejam uma boa posição é enorme, em todo o Brasil. Por isso, é preciso buscar a vaga no lugar certo. Para isso, saiba que existem capitais brasileiras em que a taxa de ocupação entre os jovens é maior, o que significa que as oportunidades nestas localidades são maiores.

Oportunidades para o trabalho
De acordo com a FGV (Fundação Getulio Vargas), a capital brasileira com maior taxa de ocupação entre os jovens é Goiânia (GO), em que 58,51% da população de 15 a 29 anos está empregada. Palmas (TO) ocupa a segunda posição, com 58,62% dos jovens ocupados e Curitiba (PR), a terceira, onde 57,82% desta população esta empregada.

Nas piores colocações, estão São Luís (MA), em que 39,31% da população jovem está ocupada, Maceió (AL), em que a taxa de desocupação das pessoas entre 15 e 29 anos é de 40,98% e Belém (PA), onde a taxa é de 41,20%.

Novos postos de trabalho
Levantamento realizado pela FGV ainda nos permite analisar quantos novos empregos foram gerados para os jovens nos últimos quatro anos. Neste caso, a capital destaque é Vitória (ES), em que, de agosto de 2004 a julho de 2008, para cada 100 jovens, 11,2 conseguiram um trabalho com carteira assinada.

Em Belo Horizonte (MG), 8,09 jovens, a cada cem, conseguiram um emprego nos últimos quatro anos. Já em São Paulo (SP), a taxa foi de 7,35 jovens a cada cem, de acordo com a tabela abaixo:

Capital / Índice de Novos empregos
Vitória (ES) 11,2
Belo Horizonte (MG) 8,09
São Paulo (SP) 7,35
Curitiba (PR) 6,57
Florianópolis (SC) 6,56
Natal (RN) 5,28
Porto Alegre (RS) 4,98
Rio de Janeiro (RJ) 4,62
Manaus (AM) 4,55
Recife (PE) 4,37

Veja também

    Noticias

    Programação de atividades para a obra do quadrilátero central: 02/03 A 08/03

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Sindilojas POA realiza mais um Feirão de Empregos

    Veja mais
    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais