Prazo para empresas atingidas por enchente recolherem FGTS de funcionários foi ampliado

Ampliado prazo para empresas atingidas por enchente recolherem FGTS de funcionários

Empregadores gaúchos atingidos pela enchente tiveram o recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) suspenso de abril a julho. Agora, poderão regularizar os pagamentos em seis parcelas a partir de outubro, conforme atualização publicada pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) no Diário Oficial da União (DOU) nesta quinta-feira (4). Inicialmente, o pagamento deveria ser feito em quatro parcelas.

Objetivo da Medida

A medida visa aliviar o caixa das empresas, permitindo a adesão ao programa sem a cobrança de multas e juros pelo adiamento. A suspensão do FGTS foi concedida para empregadores de cidades reconhecidas em situação de calamidade pública pelo governo federal, abrangendo as competências de abril a maio.

Veja também

    PesquisaNoticias

    Vendas de eletrodomésticos típicos de frio estão em alta

    Veja mais
    Noticias

    Entidades empresariais cobram agilidade da União para a liberação de recursos a...

    Veja mais
    Noticias

    Transforme talento em marca de sucesso

    Veja mais
    Noticias

    Campanha de incentivo ao comércio local para reerguer Porto Alegre tem apoio do S...

    Veja mais