Preços de ventilador e ar-condicionado podem variar até 69%, aponta pesquisa

SÃO PAULO – O consumidor que pretende adquirir um ventilador ou ar-condicionado para amenizar as altas temperaturas nesta época do ano deve ter paciência e atenção redobrada, para não acabar pagando mais…

SÃO PAULO – O consumidor que pretende adquirir um ventilador ou ar-condicionado para amenizar as altas temperaturas nesta época do ano deve ter paciência e atenção redobrada, para não acabar pagando mais caro por um produto. Levantamento do site de buscas e comparação de preços BuscaPé apontou diferença de preços de até 69% entre os produtos específicos para o calor. A busca foi realizada entre 10 de janeiro e 9 de fevereiro. A empresa cita como principal exemplo dos resultados verificados o ventilador Spirit 202 Cores Teto, com preço que varia entre R$ 217,55 e R$ 369.

Diferenças

No geral, o BuscaPé listou 10 preços em sua pesquisa. Excluindo o produto já mencionado, a segunda maior diferença aparece no Ventilador Loren Sid Turbo Wind 30cm Mesa Parede, cujo preço vai de R$ 63,31 a R$ 97, o que representa 53% de diferença. O ventilador aparece também na terceira e quarta posições, representados pelo Ventilador Arno Turbo Silêncio 40cm Mesa e pelo Ventilador de teto com controle remoto Arno Aero Timer. O primeiro produto pode ser encontrado nas lojas com preço que varia entre R$ 139,41 e R$ 189, diferença de 35%. A mesma diferença é verificada no segundo ventilador, vendido por preços entre R$ 249,90 e R$ 339. Variando 33%, estão o Condicionador de ar Electrolux PI07F / PE07F Split High Wall 7000 BTUs Frio (de R$ 748 a R$ 999) e o Ventilador Arge Cosmo Lunar Teto (de R$ 110,67 a R$ 148,02).

Menores

Entre as menores diferenças, o BuscaPé identificou o Ventilador Arno Laveo 40cm Mesa, cuja variação atinge 24%, e o Ventilador Ventisol 60 cm Parede, com diferença de 22% nos preços. As duas menores oscilações foram encontradas no Condicionador de ar Portátil DeLonghi PAC C100, com diferença de 18% nos preços, e no Ventilador Arno Eole Torre, variando 11%.

Veja também

    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Conheça as principais tendências globais de consumo para 2024

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Novas experiências para o consumidor leitor

    Veja mais