Programa de Participação nos Resultados é debatido no Sindilojas Porto Alegre

Empresários e representantes de sindicatos de diversos setores participaram na manhã desta segunda-feira, 25/08, do Seminário sobre PPR – Programa de Participação nos Resultados, realizado pelo Sindilojas…

Empresários e representantes de sindicatos de diversos setores participaram na manhã desta segunda-feira, 25/08, do Seminário sobre PPR – Programa de Participação nos Resultados, realizado pelo Sindilojas Porto Alegre, em conjunto com Fecomércio-RS, Sindec Porto Alegre, Sindiatacadistas, Sindigêneros-RS, Sindisider, Sindióptica/RS e Sincodiv-RS. O evento aconteceu na sede do Sindicato e informou sobre o funcionamento e a implantação do benefício que remunera colaboradores de acordo com o cumprimento das estratégias organizacionais, com cases das empresas Ferramentas Gerais, O Boticário e General Motors.

Aspectos legais também foram debatidos com o advogado e assessor jurídico do Sindilojas Porto Alegre, Dr. Flávio Obino Filho. Ele iniciou o painel falando sobre a história do PPR e citou o comércio como um dos primeiros setores a adotar medidas de recompensa aos funcionários, por meio das comissões. No entanto, o varejo ficou para trás na utilização do Programa, devido ao fato de a maioria das empresas serem de pequeno ou médio porte e por desconhecerem o processo, sendo ultrapassado pelo setor industrial, constituído por empresas maiores e mais estruturadas.

A segunda palestrante, Rosangela Fragoso, é gerente de Recursos Humanos da Ferramentas Gerais, empresa pioneira na implantação do Programa de Participação nos Resultados no Rio Grande do Sul. Para ela, na maioria dos casos, o colaborador preocupa-se não só com quanto vai receber financeiramente, mas também com como foi a participação dele para que os resultados da empresa tenham sido alcançados.

Na sequência do seminário, o sócio-proprietário de franquias O Boticário, Manoel Pimentel, apontou que o modelo de PPR deve partir da própria empresa, sem a necessidade da criação de um padrão, o que proporciona liberdade ao empresário. Ele ainda garantiu que o resultado da implantação do benefício é de funcionários mais felizes, mais engajados, além de amadurecimento de equipe. “O PPR faz com que a empresa deixe de ser o trabalho e passe a ser uma causa”, diz Pimentel.
José Osmair Polisel, assessor técnico do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo, finalizou o painel, falando sobre o case da General Motors. Para ele, “”as metas estabelecidas pela empresa devem ser claras e bem entendidas pelo funcionário para que ele possa colaborar, de fato, com o resultado final”.

O serviço de assessoria jurídica do Sindilojas Porto Alegre está à disposição dos associados ao Sindicato para esclarecer questões referentes ao Programa de Participação nos Resultados. Informe-se pelo telefone 51 3025.8300

Veja também

    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais
    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais