Raul Pont, candidato à Prefeitura pelo PT, defende democracia participativa em encontro com empresários da Capital

Raul Pont (PT) participou nesta segunda-feira, dia 15, do 5º Café com os Candidatos à Prefeitura Municipal, organizado pelo Sindilojas Porto Alegre, CDL POA, SINDHA e SHPOA

Raul Pont, candidato à Prefeitura da Capital pelo PT, participou nesta segunda-feira, dia 15, do 5º Café com os Candidatos à Prefeitura Municipal, organizado pelo Sindilojas Porto Alegre, CDL POA, Sindicato de Hospedagem e Alimentação de POA e Região (SINDHA) e o Sindicato de Hotéis (SHPOA).

A revitalização do Centro Histórico e do Cais do Porto, a criação do Centro de Convenções de Porto Alegre, a garantia da segurança pública na Cidade e o desenvolvimento do turismo foram as principais solicitações dos representantes das quatro entidades.

Na ocasião, Pont defendeu o processo democrático e a participação de toda a sociedade na gestão e implementação de melhorias para a Cidade. Segundo ele, a Prefeitura não consegue cuidar do Centro Histórico e do desenvolvimento do turismo de negócios da Capital sozinha. “O papel da Prefeitura é garantir que a população tenha uma cidade limpa, aprazível e acessível. O restante deve ser feito em parceria”, pontuou.

Diante disso, Paulo Kruse, presidente do Sindilojas Porto Alegre, disse que as entidades representam empreendedores que, por sua vez, buscam constantemente o crescimento dos seus negócios. E, logo, o progresso de Porto Alegre. “Trabalhamos incessantemente com esse objetivo que contribui diretamente com o futuro da Capital. Por isso, entendemos que a organização pública deva se inspirar na iniciativa privada para atuar com profissionalismo e implementar projetos de longo prazo, que não durem apenas quatro anos e terminem a cada troca de gestão”, comentou.

O vice-presidente Administrativo e Financeiro da CDL POA, Sérgio Galbinski, disse que no processo democrático é fundamental ouvir as solicitações das entidades empresariais. Afinal, por trás de cada representante existem diversos lojistas e seus sócios, funcionários e suas famílias. “A CDL POA está há mais de 50 anos trabalhando em prol do comércio local, e sempre contou com o apoio da Prefeitura para isso. Porém hoje, além de reivindicações como a revitalização do Cais do Porto e da necessidade de alvarás mais rápidos e de prazos maiores, precisamos de segurança. As pessoas estão com medo de ir às ruas e nos sobraram as lojas de shopping, com alugueis altíssimos. Então, contamos com a Prefeitura para gerenciar melhor esta questão”, destacou.

Henry Chmelnitsky, presidente do Sindha, destacou a união das entidades para colaborar com a economia de Porto Alegre. “Estamos trabalhando cada vez mais unidos porque acreditamos que isso fortalece nossas demandas. Quando pedimos maior participação nas discussões envolvendo o setor do comércio e turismo é porque podemos contribuir para a gestão.”

E, por fim, Carlos Henrique Schmidt, presidente do SHPOA, pontuou a necessidade de investimento no turismo, com a construção do Centro de Convenções, revitalização da Orla, ampliação da pista do aeroporto Salgado Filho e avanço na construção do Cais do Porto. “Estamos há 20 anos discutindo esse assunto. Espero que esse tema seja desamarrado na próxima gestão.”

 

 

 

Veja também

    NoticiasMarketing

    NRF 2024 vista por dentro

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Encerrada a etapa das 4 edições do Talks pré 11ª FBV

    Veja mais
    Noticias

    Sindilojas Porto Alegre recebe prêmio da Confederação Nacional do Comércio (CNC)

    Veja mais
    Decretos e regrasNoticias

    Funcionamento do comércio no feriado de Tiradentes: saiba como será

    Veja mais