Resíduos da Copa viram combustível

Um projeto inovador fará Porto Alegre se diferenciar das demais cidades sede da Copa do Mundo no quesito sustentabilidade: os resíduos gerados em dois espaços do evento (Acampamento Farroupilha e Fifa Fan…

Um projeto inovador fará Porto Alegre se diferenciar das demais cidades sede da Copa do Mundo no quesito sustentabilidade: os resíduos gerados em dois espaços do evento (Acampamento Farroupilha e Fifa Fan Fest) serão transformados em combustível para abastecer o próprio caminhão que fará a coleta nos dias do Mundial. O chamado GNVerde, marca exclusiva da Companhia de Gás do Estado (Sulgás), é um gás gerado a partir da decomposição de resíduos orgânicos que possui características químicas semelhantes ao gás natural, podendo ser utilizado para abastecer veículos.
“Este projeto é o ápice da sustentabilidade, pois apresenta um ciclo fechado renovável, com um veículo que é movido pela energia gerada pelo próprio resíduo que foi transportado por ele”, afirma o diretor presidente da Sulgás, Roberto Tejadas.

A ação foi idealizada pela Sulgás em parceria com o Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU), Câmara Temática de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Comitê Gestor da Copa RS, Secretaria Estadual do Esporte e do Lazer (Sel), Iveco-Bivel, Realeza Furgões e Consórcio Verde-Brasil, formado pelas empresas Ecocitrus e Naturovos.

A Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (ABES-RS) também dará apoio com o fornecimento das lixeiras e disponibilizando equipes para orientarem os participantes do Acampamento Farroupilha sobre a correta segregação do material orgânico. Na Fifa Fan Fest, o projeto foi integrado ao programa “Resíduo Zero”, do DMLU, que faz parte do Plano de Ação para Limpeza Urbana na Copa do Mundo 2014.
GNVerde

Os resíduos orgânicos produzidos no Acampamento Farroupilha e na Fifa Fan Fest durante a Copa do Mundo serão coletados pelo DMLU e separados para envio à planta de produção de GNVerde instalada no município de Montenegro (RS) e mantida pelo Consórcio Verde-Brasil. O caminhão, fabricado pela empresa Iveco, possui tecnologia e motor especial movido a GNV, desenvolvido pela FPT Industrial, e será abastecido pelo próprio gás gerado na transformação dos resíduos orgânicos produzidos durante a Copa.

Veja também

    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais
    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais