Semáforos serão ligados hoje na Nilo

Com 40 dias de antecedência, prefeitura conclui obra iniciada em janeiro

Ao dar início à operação dos semáforos na área da antiga rótula da Avenida Nilo Peçanha, às 9h30min de hoje, o prefeito José Fortunati encerra um período de seis anos de discussões. Apontado como um dos principais gargalos do trânsito de Porto Alegre, o entroncamento foi alterado na tentativa de melhorar a circulação de 61 mil veículos por dia e reduzir acidentes.

Instalados nos últimos dias, os semáforos funcionarão em três fases. Com a mudança, a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) proibiu algumas conversões, o que requer atenção dos motoristas. Faixas de segurança também mudaram de localização, devido aos ajustes nos canteiros.

Por exemplo, quem segue pela Avenida Nilópolis não poderá mais dobrar à esquerda em direção à Carlos Trein Filho ou à direita, até o estacionamento do Supermercado Nacional. A única opção será seguir reto em direção à Nilo Peçanha. Para quem pretende acessar a Carlos Trein Filho a partir da Nilópolis, é preciso usar a Travessa Coronel Antônio Carneiro Pinto e a Carazinho, contornando o Nacional. – Com os semáforos, acreditamos que o fluxo será suportado por um período de quatro a cinco anos. Depois disso, analisaremos outras alternativas – antecipa o diretor-presidente da EPTC, Vanderlei Cappellari.

Os semáforos são inteligentes, o que significa que poderão ter seus tempos alterados à distância, de acordo com o fluxo de cada braço do entroncamento. As lâmpadas são de diodo emissor de luz (LED, na sigla em inglês), o que garante economia de energia. Uma câmera também foi instalada no trecho.

A partir de hoje, agentes de fiscalização farão acompanhamento diário para avaliar possíveis ajustes no entroncamento. Cappellari não descarta reduzir as conversões que entrarão em funcionamento hoje. Duas possibilidades são avaliadas: acabar com a conversão à esquerda da Carlos Trein Filho para a Nilo Peçanha, e à esquerda da Carazinho para a Nilópolis. Se forem implementadas, as medidas resultariam em mudanças em vias próximas.

Cruzamento foi o terceiro ponto em acidentes em 2010

A substituição da rótula por semáforos foi realizada por operários da Secretaria Municipal de Obras e Viação (Smov) entre 11 de janeiro e ontem. Foram 50 dias de trabalho, o que possibilitou a entrega da obra com 40 dias de antecedência. A decisão de fazer a obra com recursos próprios foi tomada neste ano, depois de quatro licitações sem o aparecimento de empresas interessadas. O último valor oferecido foi de R$ 1,29 milhão. Inicialmente resistente à proposta da prefeitura, a Associação dos Moradores do Bairro Bela Vista acabou aceitando o projeto sob a condição de formação de uma comissão para estudar alternativas para o trânsito da região. No ano passado, o cruzamento foi o terceiro em número de acidentes na Capital, com 49 registros e nenhuma morte. Com os semáforos, o temor agora é de colisões mais graves devido à maior velocidade dos veículos ao passar pelo trecho.

Veja também

    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais
    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais