Setor pet deve crescer 8,1% no Brasil em 2013

Faturamento interno com comidas, serviços, cuidados para animais e serviços veterinários tem previsão de RS 15,4 bilhões

A Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet) projeta para 2013 um faturamento interno de R$ 15,4 bilhões, crescimento de 8,1% sobre 2012, que fechou com R$ 14,2 bilhões. O montante, de acordo com projeções, pode significar 0,34% do PIB 2013 do país. Em 2012, a indústria de produtos para animais de estimação chegou a ocupar 0,32% do PIB nacional, número superior àqueles das geladeiras e freezers (0,14%), componentes elétricos e eletrônicos (0,23%) e automação industrial (0,09%).

Para 2013, a projeção do mercado pet mundial já chega a US$ 102 bilhões, sendo que o Brasil representa 8% desse montante, dividindo a segunda posição mundial com o Japão, atrás dos Estados Unidos. O crescimento do setor e o aumento do número de pessoas com animais de estimação em casa são resultado de hábitos positivos da população brasileira. Por conta disso, a Abinpet mantém o Grupo de Estudos Interação Humano e Animal (GE-INTERHA) para fomentar pesquisas que demonstrem a importância dos animais de estimação para a qualidade de vida das pessoas.

As informações da entidade são apuradas diretamente com os integrantes do setor, por meio do Painel Pet, banco de dados que existe desde 1980. Com essa ferramenta, é possível ter estatísticas e elaborar pesquisas complementares efetivas.

Veja também

    Noticias

    Programação de atividades para a obra do quadrilátero central: 24/02 A 01/03

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais