Simples Gaúcho será restabelecido integralmente até abril de 2010

O anúncio feito pelo Governo do Rio Grande do Sul, na manhã de terça-feira, dia 12, sobre o restabelecimento da carga tributária que vigia com o Simples gaúcho, deixou otimista os representantes de…

O anúncio feito pelo Governo do Rio Grande do Sul, na manhã de terça-feira, dia 12, sobre o restabelecimento da carga tributária que vigia com o Simples gaúcho, deixou otimista os representantes de Federações empresariais. O projeto, que deve ser encaminhado ainda hoje pela governadora Yeda Crusius em regime de urgência à Assembléia Legislativa, prevê a isenção de ICMS às empresas com faturamento anual de até R$ 240 mil. A grande expectativa em relação aos redutores do imposto para aqueles estabelecimentos cujo faturamento anual é de até R$ 2,4 milhões foi anunciada pelo secretário estadual da Fazenda, Aod Cunha. O benefício será estendido gradativamente, sendo que partir de abril de 2009 a redução de ICMS será de 50% em relação aos incentivos praticados antes da vigência do Simples nacional e, em 1º de abril de 2010, será restabelecido integralmente os benefícios do Simples gaúcho para todas as empresas com faturamento até R$ 2,4 milhões.

Veja também

    Noticias

    Pronampe: 30 bi e carência de 2 anos para empreendedores do RS

    Veja mais
    Decretos e regrasNoticias

    Governo do RS atualiza lista com municípios em estado de calamidade e postergaç...

    Veja mais
    Noticias

    Sindilojas POA e CDL POA promovem ação para limpeza do Centro Histórico da Capital

    Veja mais
    Noticias

    Cartilha Estado de Calamidade: seguros disponíveis e auxílio reconstrução

    Veja mais