Traga o cliente amado de volta em cinco passos

Ao contrário da loja física, em que o cliente vai atrás de suas marcas preferidas para realizar as compras, no e-commerce é o lojista quem precisa se esforçar e correr para atrair e, principalmente, fidelizar os consumidores.

Ao contrário da loja física, em que o cliente vai atrás de suas marcas preferidas para realizar as compras, no e-commerce é o lojista quem precisa se esforçar e correr para atrair e, principalmente, fidelizar os consumidores. Essa missão, contudo, não é fácil e precisa de um esforço diário por parte do empresário para que a pessoa se mantenha fiel ao invés de ir atrás do concorrente. Confira cinco dicas que aumentam as chances de atrair e reter os clientes:

1. Pense no mobile – dados da ABComm (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico) indicam que a cada dez compras nas lojas virtuais do país, três são provenientes dos dispositivos móveis. O dado reforça a importância do mobile para o ambiente digital, tanto na parte do design quanto na infraestrutura – garantindo, assim, uma melhor experiência ao usuário.

2. Invista em conteúdo – uma boa e verdadeira descrição, fotos que destaquem o produto, ações bem planejadas para as redes sociais e campanhas de e-mail marketing certeiras certamente ajudam o cliente que está indeciso. Atualmente, a pessoa não quer apenas descontos e promoções, mas sim informações completas sobre a loja e o produto que está comprando.

3. Ofereça tratamento VIP – além de ter uma boa experiência, o consumidor quer ser bem tratado e receber vantagens sempre que optar pela loja virtual. Frete grátis, cupons de desconto, vale-presente e até brindes são alguns dos recursos que podem ser utilizados para mostrar à pessoa como ela é especial para o varejo online.

4. Diversifique os pagamentos – o cartão de crédito ainda é o meio de pagamento preferido pelos brasileiros, mas é recomendado oferecer outras formas, ainda mais no e-commerce. Restringir o modo como as pessoas pagam exclui potenciais consumidores. Assim, o ideal é disponibilizar as principais bandeiras de cartões, boleto bancário, débito, entre outras.

5. Capriche no atendimento – seja antes da compra ou após a venda, a loja virtual precisa manter um bom relacionamento com os clientes. Para isso, o SAC deve ser multicanal e eficiente. Esse cuidado mostra respeito e atenção da marca com seus consumidores, o que ajuda o e-commerce a ganhar ainda mais credibilidade no mundo online.

Fonte: No Varejo

Veja também

    NoticiasEconomia/Finanças

    Otimismo com Cautela

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Vice-Presidente de Entidade, Carlos Klein, prestigia formatura do Moda Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Natal da Azenha conta com patrocínio máster do Sindilojas Porto Alegre

    Veja mais
    AssessoriaNoticias

    Programa de qualificação profissional é lançado pela Prefeitura da Capital

    Veja mais