Transportes e vestuário puxam aceleração da inflação em Porto Alegre

Rio de Janeiro foi a única das sete capitais pesquisadas a apresentar taxa menor de inflação

Puxado pela aceleração dos grupos de transportes e vestuário, cujas taxas passaram de -0,26% para 0,83% e de 0,85% para 1,27%, respectivamente, o Índice de Preços ao Consumidor Semanal da cidade de Porto Alegre (IPC-S/Porto Alegre) registrou variação de 0,28%, na quarta semana de julho de 2009 . O resultado foi 0,07 ponto percentual superior ao divulgado na terceira semana de julho, que foi de 0,21%. Na terceira semana, a inflação medida foi de 0,21% na capitla gaúcha.

O IPC-S de 31 de julho registrou variação de 0,34%, repetindo índice divulgado na última medição. Seis das sete capitais pesquisadas apresentaram aceleração nos índices. A maior taxa foi de registrada no Recife, onde o indicador encerrou o mês em 0,62%, seguindo uma taxa de 0,53% na semana anterior.

Em Brasília, a inflação também acelerou em 0,09 ponto percentual, passando de 0,15% para 0,24%. Em São Paulo, cidade com a maior taxa de inflação na semana anterior (0,57%), o indicador acelerou pouco, passando para 0,58%. As demais altas foram registradas em Belo Horizonte (de 0,39% para 0,44%), e Salvador (de 0,30% para 0,38%).

O Rio de Janeiro foi a única entre as capitais pesquisadas a registrar taxa menor de inflação na comparação entre as duas últimas semanas do mês. O indicador, que já vinha deflacionário em 0,03%, ficou negativo em 0,14% no encerramento de julho. Com informações do site G1.

Veja também

    Noticias

    Associados do Sindilojas POA tem opção de consultoria gratuita para retomada dos...

    Veja mais
    PesquisaNoticias

    Funcionamento das lojas após as enchentes é objeto de pesquisa do Sindilojas POA

    Veja mais
    Noticias

    Pronampe: 30 bi e carência de 2 anos para empreendedores do RS

    Veja mais
    Decretos e regrasNoticias

    Governo do RS atualiza lista com municípios em estado de calamidade e postergaç...

    Veja mais