Túnel ligará o trem ao metrô

A estação da Trensurb no Mercado Público e o terminal metroviário no Centro serão conectados por trecho percorrido a pé

Apesar das mudanças no trajeto original, que distanciaram o metrô de Porto…

A estação da Trensurb no Mercado Público e o terminal metroviário no Centro serão conectados por trecho percorrido a pé

Apesar das mudanças no trajeto original, que distanciaram o metrô de Porto Alegre dos trilhos da Trensurb, o novo sistema de transporte não estará tão longe dos trens metropolitanos como se supôs inicialmente. O prefeito da Capital, José Fortunati, confirmou ontem que, já na primeira fase das obras, deverá ser construída uma ligação subterrânea entre os dois serviços para garantir a integração.

Desde que a discussão em torno do metrô ganhou força, diferentes percursos foram sugeridos e discutidos. Mesmo distintos, todos convergiam em pelo menos um ponto: para desafogar o trânsito na superfície, o itinerário escolhido deveria unir os dois modais em uma ou mais estações comuns.

No projeto final, porém, as duas linhas acabaram afastadas para contemplar exigências financeiras do governo federal – se extrapolasse o teto de R$ 2,4 bilhões, a proposta corria o risco de ser barrada. A modificação pôs em dúvida a funcionalidade do novo sistema e desencadeou críticas. – É inconcebível pensar o metrô sem essa ligação. Existiram vários traçados antes desse, e todos já apontavam isso. É uma unanimidade – diz o professor de Transportes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), João Fortini Albano.

Ontem, Fortunati garantiu que as linhas terão pelo menos duas conexões. A promessa é de que a primeira delas – junto à estação Mercado, da Trensurb – seja construída na etapa inicial das obras, em quatro ou cinco anos.

Conforme o prefeito, isso será possível porque, além de acessos na Esquina Democrática e em outros pontos a serem definidos no Centro, o metrô contará com uma entrada no Largo Glênio Peres, defronte ao Mercado Público. A intenção é que, a partir dali, seja escavado um túnel, de 200 metros, até a parada da Trensurb. – A construção do túnel está certa. Mas ainda precisamos resolver o problema da integração das passagens – adiantou Fortunati.

A outra ligação está prevista apenas para a segunda fase das obras. A ideia é que contemple a estação Farrapos e o terminal Cairu (veja o mapa) e que seja feita por um aeromóvel. Outra alternativa, segundo o superintendente de Desenvolvimento e Expansão da Trensurb, Humberto Kasper, seria fazer uma bifurcação da linha 1. Embora concorde que a junção é importante, Kasper é cauteloso ao tratar do assunto: – Tudo isso ainda precisa ser avaliado e discutido. Temos cinco anos pela frente. E quem decide é a prefeitura.

Cinco pontos sobre o metrô

1) No início, será construída um túnel no Centro, ligando o metrô à estação Mercado. Depois, deve ser feita a ligação entre o terminal Cairu, do metrô, e a estação Farrapos.

2) No Centro, o metrô terá vários acessos, em diferentes pontos, como acontece nas estações centrais dos principais metrôs do mundo. O ponto principal ficará na Esquina Democrática.

3) Haverá uma estação de metrô próxima à rodoviária, sob a elevada da Conceição. Dali, as pessoas poderão se deslocar ao terminal. Será definido como facilitar e tornar mais seguro o acesso.

4) O aeroporto estará incluído de forma indireta. O terminal estará ligado à linha da Trensurb por meio do aeromóvel, previsto nas obras da Copa, e o trensurb estará conectado ao metrô.

5) A intenção da prefeitura é que a integração de tarifas ocorra, mas isso ainda dependerá de uma negociação entre município e governo federal.

Veja também

    NoticiasMarketing

    Em busca do melhor ponto comercial

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Lajeado recebe a FBV Talks para debater o futuro do presente no varejo

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Café com Lojistas apresenta o significado do varejo e dicas do que está em alta ...

    Veja mais
    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais