Varejo tem aumento nas vendas de ventiladores e aparelhos de ar-condicionado

Lojistas relataram ao Núcleo de Pesquisa crescimento médio de 30% nas vendas destes produtos em relação ao mesmo período do ano passado.

Os dias quentes de verão podem não ser de tanto agrado para os porto-alegrenses, mas para quem trabalha em segmentos específicos do comércio, como lojas de eletroeletrônicos e eletrodomésticos, as altas temperaturas são muito bem-vindas. É isso o que indica o último estudo do Núcleo de Pesquisa do Sindilojas Porto Alegre. O levantamento constatou que as vendas de ventiladores e ares-condicionados aumentaram em 64,5% dos estabelecimentos neste ano em comparação com o mesmo período do ano passado, ainda que 80,6% deles não estejam realizando promoções nesta linha de produtos. Segundo o estudo, o crescimento médio foi de 20% para a venda de ventiladores e de 36% para aparelhos de ar-condicionado, totalizando aumento aproximado de 30% na comercialização desses dois tipos de produtos.

Segundo os entrevistados, a procura maior dos consumidores tem sido pelos seguintes itens: ventilador portátil (66,7%), split (20,5%), ventilador de teto (10,3%) e ar-condicionado portátil (2,6%). O preço médio do ventilador mais vendido neste verão é de R$ 112 e do ar-condicionado é de R$ 1.500. E para os próximos meses da estação, 48,8% dos lojistas acreditam que as vendas ainda podem aumentar em 26%.

Veja também

    Noticias

    Programação de atividades para a obra no Centro da capital

    Veja mais
    PesquisaNoticias

    Sindilojas Porto Alegre realiza pesquisa com empresários da capital sobre o uso d...

    Veja mais
    Noticias

    Prefeitura de Poa dá descontos em juros e multas

    Veja mais
    Noticias

    Apoio do Governo Federal para pagamento de salários

    Veja mais