Varejo vendeu 0,2% mais em fevereiro, informou o IBGE

As vendas do comércio varejista cresceram 0,2% no mês de fevereiro sobre janeiro, na série com ajuste sazonal, informou, nesta terça-feira (15) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O…

As vendas do comércio varejista cresceram 0,2% no mês de fevereiro sobre janeiro, na série com ajuste sazonal, informou, nesta terça-feira (15) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado veio dentro do intervalo das estimativas dos analistas ouvidos pelo AE Projeções, que esperavam desde uma queda de 2,80% a uma alta de 1,00%, com mediana positiva de 0,30%.

Na comparação com fevereiro de 2013, sem ajuste sazonal, as vendas do varejo cresceram 8,5% em fevereiro deste ano. Nessa comparação, as projeções variavam de expansão de 4,40% a 10,20%, com mediana de 8,30%. Até fevereiro, as vendas do varejo restrito acumulam altas de 7,4% no ano e de 5,0% nos últimos 12 meses.

Quanto ao varejo ampliado, que inclui as atividades de material de construção e de veículos, as vendas diminuíram 1,6% em fevereiro em relação a janeiro, na série com ajuste sazonal. O resultado veio dentro do intervalo das estimativas dos analistas ouvidos pelo AE Projeções, que esperavam desde queda de 3,20% a alta de 1,00%, com mediana negativa de 1,20%.

Na comparação com fevereiro de 2013, sem ajuste, as vendas do varejo ampliado cresceram 8,4% em fevereiro deste ano. Nesse confronto, as projeções variavam de um aumento de 4,60% a 9,90%, com mediana de 6,35%. Até fevereiro, as vendas do comércio varejista ampliado acumulam altas de 6,5% no ano e de 3,9% nos últimos 12 meses.

O índice de média móvel trimestral das vendas do comércio varejista restrito subiu 0,1% no trimestre encerrado em fevereiro. No varejo ampliado, o índice de média móvel trimestral das vendas caiu 0,4% no trimestre encerrado em fevereiro.

O IBGE revisou o volume de vendas no varejo em dezembro de 2013 sobre novembro. A taxa passou de -0,2% para -0,3%. No varejo ampliado, a taxa de janeiro ante dezembro também foi revista, de 2,1% para 2,8%. A variação de dezembro ante novembro passou de -1,9% para -2,2%, enquanto a taxa de novembro ante outubro saiu de 0,8% para 1,2%, e a de outubro ante setembro passou de 1,7% para 1,6%.

Veja também

    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Conheça as principais tendências globais de consumo para 2024

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Novas experiências para o consumidor leitor

    Veja mais