Vendas do iPad surpreendem lojistas da Capital

Em apenas quatro dias de vendas, o aguardado tablet da Apple já teve seus estoques reduzidos pela metade em Porto Alegre. A procura expressiva surpreendeu os lojistas, que aguardam novas remessas do iPad até o…

Em apenas quatro dias de vendas, o aguardado tablet da Apple já teve seus estoques reduzidos pela metade em Porto Alegre. A procura expressiva surpreendeu os lojistas, que aguardam novas remessas do iPad até o fim de semana para atender à demanda antes do Natal.

A iPlace, loja autorizada a vender produtos da Apple no Estado, recebeu mais de 3 mil unidades do aparelho para abastecer as cinco lojas do grupo — Porto Alegre, Caxias do Sul, Florianópolis, Brasília e Belo Horizonte. Até ontem, mais de 1,5 mil aparelhos haviam sido negociados, conforme o diretor de varejo do Grupo Herval, Germano Grings. — Esperávamos uma grande procura, mas não imaginávamos que chegaria a tanto logo no início — avalia.

Conforme o diretor da empresa, a segunda remessa, com mais 3 mil unidades, é aguardada ainda para esta semana. Uma terceira leva, possivelmente superior às duas primeiras, deve ser encaminhada às lojas antes do Natal. — Estamos reforçando os estoques, mas não temos como garantir que não falte algum modelo — alerta Grings.

Os tablets são vendidos em duas versões: Wi-Fi (permite conexão à rede sem fio que existir nas proximidades) e Wi-Fi mais 3G (também dá acesso à internet via rede de telefonia celular). O tablet pode ser adquirido em lojas selecionadas pela Apple (confira a lista em http://www.apple.com/br/ipad/buy) ou na loja virtual (http://www.store.apple.com/br).

Veja também

    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Conheça as principais tendências globais de consumo para 2024

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Novas experiências para o consumidor leitor

    Veja mais